Orgasmo também se aprende

É possível conquistar o prazer com treino, exercícios e autoconhecimento

Júlia Reis, iG São Paulo

Getty Images
Como em outras atividades, a prática melhora o desempenho sexual
Mesmo sentindo prazer durante o sexo, muitas mulheres têm dificuldade para chegar ao orgasmo. Mas atingir o clímax pode ficar mais fácil com treino e autoconhecimento, apontam especialistas. “O orgasmo é uma entrega de corpo e emoção. E isso é um aprendizado para a grande maioria das mulheres”, diz a terapeuta corporal e tântrica Celi Coutinho. [ Leia outras matérias no "Especial Orgasmo" ]

Leia também:
Sexo tântrico: 10 passos para começar hoje!
20 dicas para conquistar ou turbinar seu orgasmo

Estar à vontade na relação sexual e na companhia do parceiro é um passo importante para a mulher relaxar e chegar ao clímax. Segundo a psicóloga e sexóloga Carla Cecarello, o bloqueio do orgasmo pode originar de um traço de personalidade. “Algumas não conseguem porque são dominadoras, tensas, e não se entregam facilmente”, diz. O trabalho terapêutico, nesses casos, ajuda a lidar com os bloqueios.

O caminho das pedras depende do perfil de cada uma. A dificuldade para chegar ao orgasmo pode ter fundo psicológico ou mesmo ser falta de estímulo – além disso, as questões hormonais não podem ser descartadas. “A maioria das mulheres têm excitação, mas nem sempre orgasmo", diz a personal sex trainer Lu Riva, que ainda compara os gêneros: "O homem é um fogão a gás, e a mulher é um a lenha, por isso ela demora mais e tem que ser estimulada”.

Aumentar as preliminares e conversar com o parceiro sobre as carícias que mais agradam ajudam na rotina sexual. “O dialogo é fundamental, assim como estimular bem o clitóris e até tomar banhos juntos. Isso ajuda a aumentar o envolvimento com o parceiro”, diz Cecarello.

Exercícios e prática
Fazer sexo não é um exercício como correr ou andar de bicicleta, mas a prática, como nas outras atividades, melhora o desempenho. Um dos passos para isso é o autoconhecimento: tocar e olhar o próprio corpo para descobrir pontos de sensibilidade é um bom caminho, segundo Riva. “O primeiro passo é não ficar com a ideia de que é errado fazer isso ou aquilo", aponta.

O desenvolvimento da musculatura genital também é uma ferramenta utilizada para potencializar sensações. O  pompoarismo é uma prática de contração dos músculos vaginais que exercita a região de dentro para fora. Com algum tempo de experiência, a sensibilidade local aumenta, assim como a intensidade do orgasmo. "Não é mágico, precisa treinar", diz Riva. Os resultados aparecem depois de um mês, aproximadamente.

As posições sexuais interferem no estímulo para a mulher e algumas facilitam a descoberta do prazer. Cecarello sugere testar encontros que permitam a penetração e o estímulo ao clitóris ao mesmo tempo.

Dicas que ajudam a chegar lá:


- Encontre a sua fórmula: preocupações e tensões normalmente atrapalham a concentração na hora do sexo, e, consequentemente, impedem o orgasmo. É preciso buscar fórmulas altamente excitantes, e isso pode variar de acordo com cada pessoa: filmes sensuais, contos eróticos ou um clima bacana. Experimente um pouco de tudo para saber mais sobre suas próprias preferências.

- Exercícios diários: “Sentada ou em pé inspire profundamente, segure o ar, contraia a área genital por 30 segundos e solte”, ensina Celi. Repita a contração por dez vezes, inspire e continue o exercício por um período de cinco minutos. “Pode e deve causar calor, se feito corretamente”, explica a terapeuta.

Brinquedos eróticos : usados na masturbação ou com o parceiro, pequenos vibradores ajudam a estimular o clitóris e acelerar a excitação. “Apimentam, mas não resolvem sozinhos”, diz a personal.

- Esqueça o fingimento: querer melhorar a qualidade das relações sexuais inclui uma mudança de atitude na cama e fora dela. “Dá pra fingir por um tempo, mas em uma relação duradoura não pode acontecer. A mulher tem que ser honesta com si mesma e com o parceiro”, diz Riva.


Veja também:

Especial treinamentos eróticos: Sexo Oral

Leia tudo sobre: sexoorgasmoprazer

Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG