Tamanho do texto

Que projeto verão, que nada. O que vale é encarar o "projeto vidão". E a dica principal para você aproveitar o verão é bem simples: tenha um corpo

O verão está cada vez mais próximo, e muitas mulheres passam a ficar preocupadas em como ter um corpo de praia. Claro que no caso de conseguir um abdômen definido  ou glúteos mais redondos  há diferentes dicas, mas a verdade é que para se ter um corpo de praia basta uma coisa: ter um corpo.

Raissa Galvão, Mariana Torquato, Luiza Junqueira, Mônica Marchette e Alexandra Gurgel são algumas das influenciadoras digitais que provam em seus perfis que a melhor forma de como ter um corpo de praia é apenas aceitando o nosso próprio corpo.

Como ter um corpo de praia

Muita gente pode até discordar, mas a verdade é que a fórmula
Reprodução/Instagram
Muita gente pode até discordar, mas a verdade é que a fórmula "secreta" de como ter um corpo de praia é tendo um corpo

O processo, porém, não é fácil. É preciso reconhecer nossas características e entender que algumas delas não são imperfeições, como muita gente afirma. Pode levar algum tempo, mas quem já passou por isso garante: a vida fica muito mais leve e bonita.

Abaixo a gente listou alguns posts em que as cinco influenciadoras falam sobre esse processo de aceitar o próprio corpo e se sentir livre para ir à praia sem ficar se escondendo – e também sem deixar de usar um maiô ou biquíni. Confira:

Raissa Galvão

Foi com a ajuda de amigas que Raissa Galvão descobriu que a forma de como ter um corpo de praia é apenas se amando
Reprodução/Instagram/rayneon
Foi com a ajuda de amigas que Raissa Galvão descobriu que a forma de como ter um corpo de praia é apenas se amando

“A vida é melhor na praia e é ainda melhor quando você ama cada partezinha de você”, afirma a jovem Raissa Galvão. Pelo seu Instagram, ela contou que há um tempo jamais imaginaria que seria um pessoa a compartilhar uma foto posando apenas de maiô em uma praia.

“Eu sempre fui apaixonada por água - não é atoa que a minha brincadeira de criança era de sereia na piscina de plástico - mas raramente ia à praia porque, infelizmente, não moro tão perto assim.

“Conforme fui crescendo, além de ser longe e só poder ir com meus pais, começou a surgir uma insegurança com meu corpo, e eu falava que odiava praia, que odiava sol e odiava areia.”

Por conta dessa insegurança, Raissa não deixava de usar um casaco para se esconder. E o pior é que ela é do Rio de Janeiro, onde faz muito calor.

“Um dia a Alexandra Gurgel [outra influenciadora] me chamou para participar de uma paródia ‘Meu amor próprio me dá onda’ e é claro que eu fui. Chegando lá eu conheci a praia do Diabo, que é onde eu vou toda semana e me apaixonei novamente pela praia e fui me apaixonando ainda mais por mim.

“Foi aí que eu descobri que podia ir à praia sozinha SIM, que eu não precisava de um carro para chegar na praia e mais ainda... que eu não precisava ser magra para ir à praia", completou sobre como ter um corpo de praia.

Mariana Torquato

Em sua busca de como ter um corpo de praia Mariana descobriu que não há tempo a perder buscando um corpo perfeito
Reprodução/Instagram/marianatorquato
Em sua busca de como ter um corpo de praia Mariana descobriu que não há tempo a perder buscando um corpo perfeito

“Gente, verão está chegando e eu quero saber: tem alguma coisa que você deixa de fazer ou usar porque tem vergonha? Eu, por exemplo, nunca usava maiô porque achava que era um atestado de gordura. E quando era obrigada a usar biquíni, escondia minha barriga e meu bracinho embaixo de vestidinhos, blusas, almofadas, enfim, tudo que desse pra esconder o meu corpo.”

O processo de descobrir como ter um corpo de praia para Mariana foi um pouco diferente, já que ela também tem uma deficiência física. O ódio que desenvolveu pelo próprio corpo, porém, começou por volta dos 11 anos, quando primos passaram a chamá-la de “gordinha”.

“Dali em diante, deixei de fazer e usar muita coisa que queria porque achava que não era pra mim. Sabotei minhas vontades e chances de ser feliz por vergonha, cheia de ódio por um corpo que eu não conseguia mudar.”

Leia também: Influenciadoras fora do padrão que vão te fazer deixar o sedentarismo agora

Além do post, Mariana também gravou um vídeo para seu canal no YouTube em que conta todas essas ideias erradas que tinha de si mesma no passado. “Foi com diálogo e informação que hoje eu consigo postar fotos de corpo todo, com meu bracinho e gordurinhas de fora, e mesmo assim me sentir linda, feliz e forte.

Mariana completa seu texto afirmando que não há tempo de sobra para a gente ficar “sabotando momentos incríveis por estar preocupada com o formato de nossos corpos”. “Aquela ‘nóia’ do ‘vão ver minha pochete’ ou minhas estrias, não dá pra ficar esperando o corpo certo pra ser feliz. ‘Bora’ escolher ser feliz, gente!”

Luiza Junqueira

Luiza Junqueira também descobriu que a melhor de forma de como ter um corpo de praia é aceitando nosso corpo
Reprodução/Instagram/luizajunquerida
Luiza Junqueira também descobriu que a melhor de forma de como ter um corpo de praia é aceitando nosso corpo

“Passei anos da minha vida com uma relação de amor e ódio com o verão: eu amava muito água, sol e natureza, mas odiava ter que expor meu corpo em roupas de banho”, explica a influenciadora digital Luiza Junqueira, que ficou conhecida pelo projeto “Tour Pelo Corpo”.

“Até usava roupas normais para entrar na água, mas isso também me envergonhava muito e me impedia de aproveitar plenamente. Hoje em dia tenho uma relação muito melhor com meu corpo (amém) e consigo entender que ele é muito mais do que aparência”, explica sobre seu processo de descobrimento de como ter um corpo de praia.

Luiza conta que entendeu que seu corpo é a “máquina que sustenta sua alma e lhe permite experimentar vida. “Por isso ele merece ser tratado com muito carinho e respeito. As vezes algumas inseguranças podem até continuar ali, mas hoje em dia eu aproveito o verão insegura mesmo.”

Mônica Marchette

Mônica Marchette mostra que na busca de como ter um corpo de praia precisamos encarar nossas inseguranças
Reprodução/Instagram/momarchette
Mônica Marchette mostra que na busca de como ter um corpo de praia precisamos encarar nossas inseguranças

Após compartilhar uma foto em que deixa sua barriga em evidência, Mô Marchette incentivou seus seguidores a compartilhar uma insegurança que já superaram. “Precisamos sair da zona de conforto, para nos libertamos da insegurança.
dessa vez botei a barriga pra jogo.”

Com mais de 22 mil pessoas acompanhando suas fotos, ela afirma que “claro que ficou insegura”, mas a vontade de perder essa insegurança em mostrar a barriga era maior.

“Me joguei nesse biquíni lindo, cintura baixa e fio dental(duas inseguranças de uma vez só), além da parte de cima ‘cortininha’ que eu jamais usaria. Quando cheguei na praia amei tanto sentir o sol em 90% do meu corpo, todas vocês merecem um momento desse.”

No caso de Mônica, ela evidencia que, além da gente reconhecer nossas próprias características, precisamos também encarar inseguranças na busca de como ter um corpo de praia.

Alexandra Gurgel

Como ter um corpo de praia?
Reprodução/Instagram/alexandrismos
Como ter um corpo de praia? "O seu corpo é o corpo perfeito pra qualquer coisa", afirma a jornalista Alexandra Gurgel

Criadora da hashtag “ Gordofobia não é piada ”, Alexandra Gurgel não apenas incentivou Raissa Galvão na busca de como ter um corpo de praia. A jornalista também incentiva diariamente milhares de pessoas a aceitarem seus corpo através de suas redes sociais.

“Aproveite o sol. Você tem todo o direito de curtir um solzão, botar o corpo pra jogo e pegar um ‘bronzeadinho’. Se alguém te disse que tem que ter um certo formato de corpo para aproveitar o calor, esqueça.

“É tudo mentira. O seu corpo é o corpo perfeito pra qualquer coisa. Só ‘vamo’. E ‘tele’ e ‘zaga’ marca aqui a sua amiga que acha que não pode usar biquíni por causa do corpo e prove o contrário a ela”, afirmou a também influenciadora digital em sua conta no Instagram.

Não tenho de fazer nada?

Quer saber como ter um corpo de praia? Como muitas pessoas falam na web: tenha um corpo e vá para a praia
Shutterstock
Quer saber como ter um corpo de praia? Como muitas pessoas falam na web: tenha um corpo e vá para a praia

A verdade é que não, você não precisa fazer nada na busca de como ter um corpo de praia, basta apenas ter um corpo e uma praia. Mas claro que se você quer ficar mais definida para se sentir à vontade com você mesma pode fazer isso, se dedicar na academia e/ou seguir uma alimentação mais regrada. 

Por outro lado, você não deve se sentir obrigada a fazer isso e nem muito menos se sentir mal por não ter um corpo considerado "perfeito" pela sociedade. O importante é você estar bem com seu próprio corpo, independentemente do tamanho e formato dele – até porque qualquer pessoa recebe críticas dos outros.

Se você busca ganhar autoconfiança para colocar aquele maiô ou biquíni que tanto gosta, uma boa ideia pode ser acompanhar os perfis de mulheres com corpos parecidos com o seu. Evite aquelas páginas com mulheres de corpos muito diferentes de sua realidade, já que isso pode te desmotivar, fazer com que você ache que está errada.

E lembre-se sempre de que melhor que um "projeto verão" é um "projeto vidão", já que um verão passa, mas a vida não. Você pode ficar tentando alcançar um padrão nessa busca de como ter um corpo de praia , mas acabar deixando de aproveitar momentos especiais. Sendo assim, faça o que vai te deixar realmente feliz.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.