Sexta-feira é dia de matérias da série O Melhor das Posições Sexuais , idealizada pelo iG Delas para te convidar a aprender mais sobre sexo e ter mais prazer na cama! Na reportagem anterior, que foi a primeira, demos dicas para aproveitar melhor o  sexo anal  (se você curte, claro). Hoje (2) é a vez de aprender a tornar o papai-e-mamãe mais intenso.


homem em cima de mulher na cama, ele está beijando seu pescoço
shutterstock
Sexólogas te ajudam a incrementar uma das posições sexuais mais populares



Papai-e-mamãe é uma das posições sexuais mais básicas do kamasutra e geralmente é muito realizada por casais que ainda estão se conhecendo ou gostam de um amorzinho mais fofo, com olho no olho e beijo na boca. Com pouca coisa é possível turbinar a posição, fazendo com que ela seja uma das preferidas entre os parceiros.

Para entender de que maneira é possível tornar o papai-e-mamãe ainda mais quente, conversamos com Débora Pádua, fisioterapeuta pélvica e sexóloga, e Carla Cecarello, sexóloga. Coloque em prática esta noite. Sextou!

Mantenham contato visual


As sexólogas explicam que  papai-e-mamãe é uma das posições sexuais com maior possibilidade de tornar o sexo romântico e ainda mais íntimo para o casal. “Para incrementar essa posição é legal manter um contato visual”, diz Carla.

Use as mãos

Os corpos podem ficar ainda mais próximos com  carícias e muita pegada. A pessoa que penetra pode pegar a parceira pelas costas e até mesmo puxá-la para mais perto. Quem estiver embaixo pode fazer carícias no peitoral e deslizar as mãos pelas laterais do corpo, o que pode excitar ainda mais o parceiro.

Experimente óleos corporais


Para que o contato das mãos fique ainda mais sensível, o casal pode investir no uso de óleos corporais . Isso consegue tornar o contato entre os corpos mais deslizante, o que pode influenciar no ritmo da penetração. Além disso, é um plus para pessoas que sentem prazer olfativo.

Se beijem muito!


As sexólogas explicam que, mais do que o toque das mãos, o toque dos lábios no corpo do parceiro é muito aproveitado no papai-e-mamãe. A pessoa de baixo pode ser estimulada com  beijos no pescoço e no peito, sugere Débora. “É legal sempre manter esse estímulo romantizado”, complementa Carla.


Para controlar a penetração, use as pernas

Débora afirma que o controle do ritmo e da profundidade da penetração pode ser feito usando as pernas. “Existem algumas variações que podem ser realizadas com as pernas esticadas e bem próximas. Assim será possível sentir o corpo do parceiro, a entrada do pênis e todo movimento realizado”, diz a sexóloga.

Ela afirma também que algumas mulheres preferem colocar as pernas para o alto e, desta forma, conseguir uma penetração ainda mais profunda. “Com as pernas bem no alto também é possível conseguir estímulo no clitóris durante o vai e vem”, explica Débora.

    Veja Também

      Mostrar mais