Tamanho do texto

Ela começou a jornada para perder peso em janeiro de 2019 e agora, com 30 kg a menos, incentiva outras pessoas; veja detalhes da história dessa carioca

Mariana Correa Franco, do Rio de Janeiro, estava com 138 kg em janeiro de 2019 e quis mudar completamente sua vida para emagrecer e ter mais bem-estar. A mulher de 32 anos estipulou metas, investiu em uma alimentação mais saudável e, em sete meses, viu os resultados refletidos na balança.

Leia também: Sem flacidez! Conheça os exercícios de Kelly Key para ter um braço definido

Mariana Correa Franco conseguiu emagrecer 30 kg em sete meses arrow-options
Arquivo pessoal
Mariana Franco teve um "choque de realidade" e decidiu emagrecer: "Havia perdido o controle sobre meu corpo"


Mariana conta ao Delas que "sempre foi gorda", mas diz que isso nunca foi um problema quando era mais nova e que não sentia que precisava emagrecer . Ela comia de tudo, embora estivesse longe de ser uma dieta saudável. "Sempre comi muitos lanches. Na adolescência, eu comia fast-food todas as noites no lugar do jantar", afirma.

Depois de se casar, o ganho de peso foi inevitável e o vício nos alimentos era mais forte que a vontade de eliminar alguns quilos. "Eram jantares, lanches, idas a lanchonetes novas... Não tinha regra na alimentação", diz ela.

A situação ficou um pouco pior quando Mariana se firmou como cozinheira profissional. "Aí comia muito mais. Eu e meu marido extravasamos os limites do peso. Comíamos pão em quase todas as refeições. Éramos viciados em refrigerante e pães", complementa.

Uma foto serviu como sinal de alerta

mulher emagrece 30 kg em sete meses arrow-options
Reprodução/Instagram/@mari.correafranco
Mariana viu uma foto sua no Natal do ano passado e sentiu que era o momento de dar adeus ao peso elevado


O peso elevado começou a atrapalhar a rotina e interferir em atividades simples, como caminhar, amarrar os sapatos e comprar roupas. "Eu não andava meio metro sem querer sentar, eu era indisposta pra tudo, menos para o trabalho. Porém, me sentia exausta no final do dia, muito mais que uma pessoa com o peso normal", relata a cozinheira.

A decisão de colocar um ponto final na obesidade e perder peso ocorreu no Natal de 2018. "Uma foto que tirei me deu um choque de realidade. Eu me achei tão estranha, tão fora de mim, e percebi que havia perdido o controle sobre meu corpo e que eu não queria mais viver assim", relembra.

Leia também: 5 chás para tomar antes de dormir que podem te ajudar a perder peso

Curtir o réveillon e focar no emagrecimento

mulher emagrece 30 kg em sete meses arrow-options
Arquivo pessoal
Ela e o marido decidiram dar início ao processo de emagrecimento logo após as festividades de final de ano


Depois do impacto causado pela imagem, Mariana não teve dúvidas de que precisava emagrecer para ter mais saúde, tanto física quanto mental. Ela e o marido, Lucas, decidiram começar uma reeducação alimentar logo após as festas de final de ano.

"Fiz uma promessa ao meu marido, que também entrou em processo junto comigo e hoje já emagreceu 32 kg. Demos as mãos nessa nova caminhada e hoje estamos muito felizes. Entendemos que o processo é lento, mas vale a pena", conta ela.

Eles mudaram drasticamente os hábitos alimentares e escolheram seguir a dieta low carb e fazer jejuns intermitentes. Açúcar, produtos industrializados e embutidos se tornaram proibidos nas refeições. Além disso, o casal passou a evitar o consumo de glúten e lactose.

"Optamos por vegetais, folhosos e proteína animal. Gordura animal também é muito bem-vinda a nossa casa. Frutas não comemos sempre, mas dentro da nossa alimentação elas entram como uma pequena guloseima. Adoramos oleaginosas e o nosso queridinho são os queijos curados", diz Mariana.

A mulher afirma que não teve muitas dificuldades com a reeducação alimentar , mas precisou se cuidar por conta da profissão. "Sou cozinheira, preciso experimentar todo tipo de comida que passa pelas minhas mãos e isso dificulta o processo. Criei táticas de não ingerir o alimento, apenas experimentar", declara ela.

Já as atividades físicas não são muito presentes na rotina de ambos. A correria do cotidiano e a falta de tempo são empecilhos para ir à academia, mas ainda assim a dupla tenta realizar ao menos um tipo de exercício com frequência.

"Começamos a fazer caminhadas após o segundo mês de reeducação, mas o trabalho não me dá muito tempo para fazer atividades físicas constantes", confessa Mariana, que afirmou que mexia mais o corpo enquanto estava na adolescência.

Leia também: Não tem tempo? Saiba como fazer exercícios e emagrecer sem ir à academia

30 kg a menos e contando...

mulher emagrece 30 kg em sete meses arrow-options
Arquivo pessoal
Feliz e bem com seu próprio corpo, Mariana agora ajuda outras pessoas que querem emagrecer e ter mais bem-estar


Agora com 30 kg a menos, pesando 108 kg, a cozinheira celebra os resultados positivos em sete meses de mudança de hábitos. "Olhar no espelho já não é uma tortura. Passei a me perceber mais, me olhar mais e projetar mudanças que quero no meu corpo. Sempre me escondi com muitas roupas e hoje ainda não estou com o corpo ideal, mas já posso ser livre e mostrar que podemos chegar onde queremos", salienta.

A meta de Mariana é eliminar 65 kg no total, e ela segue na batalha para alcançar o peso que deseja. A mulher também quer ajudar outras pessoas a melhorarem os hábitos e serem mais saudáveis, e faz isso por meio das redes sociais.

"Muitas mulheres com problemas hormonais ou emocionais entraram em uma nova alimentação após ver meus resultados, e hoje vejo resultados nelas também. É muito mais do que eu podia imaginar. Jamais imaginei contagiar outras pessoas com o meu próprio emagrecimento. Isso é maravilhoso", comemora.

Leia também: Saiba como se livrar de vez do efeito sanfona e emagrecer com saúde

Mariana aconselha quem quer emagrecer a não esperar nem mais um minuto para começar a alterar o estilo de vida. "Não seja a desculpa em pessoa! A força de querer ter uma vida boa e saudável precisa ser maior que a vontade de comer", aconselha ela.

"Reveja suas prioridades: comer e ser feliz momentaneamente ou é negar e ser feliz pelo resto dos dias? E o melhor de todos os conselhos é: beba água! Sempre! Quem não se hidrata, se mata, e eu estava me matando", finaliza a cozinheira.

    Leia tudo sobre: dieta