Dores de cabeça, incômodos fortes na região do útero, indisposições e até mesmo enjoo. Esses são alguns sinais que indicam que a semana da  menstruação chegou. E se tem algo que pode ser extremamente desconfortável para as mulheres durante esse período, é a cólica menstrual.

De acordo com a terapeuta holística Denise Cabral, do Cuida-te Terapias Holísticas e Integrativas, cólica menstrual não é algo "normal", como muitos dizem por aí. "A mulher precisa se 'olhar' durante todo o mês, sua alimentação e emoções. Por exemplo: uma mulher que consome muita gordura, tende a ter cólicas, pois está sobrecarregando o meridiano do fígado. Se ela não aceita o feminino de forma leve e grata, ela está retendo suas emoções e tanto a cólica, quanto a TPM são visitas constantes na vida dessa mulher", afirma a especialista.

Mulher com bolsa de água quente na região do útero
shutterstock
cólica

Porém, outros problemas de saúde podem estar relacionados à cólicas frequentes e o mais indicado é sempre procurar um profissional de confiança. Muitas mulheres sofrem com cólicas menstruais e uma opção para acabar com ela podem ser métodos mais "naturais". Denise Cabral e Larissa Cassiano, ginecologista e obstetra, indicam opções para amenizar esse sofrimento mensal.

Bolsa de água quente

Um clássico dos métodos para acabar com a cólica, a utilização da bolsa de água quente é muito indicada, você com certeza já usou dessa maneira.  O calor proporcionado pela bolsa ajuda no relaxamento dos músculos abdominais, que normalmente ficam tensos devido à contração constante no ciclo menstrual. Ele não apresenta riscos, visto que não atinge diretamente o útero, tendo contato superficial, apenas com os músculos.

Yoga

Você já ouviu falar que o exercício físico ajuda no combate às dores da cólica? Denise Cabral afirma que as posições do yoga são ótimas para aliviar esse desconforto, principalmente a postura da pinça e a postura da criança. A prática ajuda a liberar hormônios que nos trazem prazer e bem estar. Também faz nosso corpo produzir líquido sinovial, tornando-o mais leve e flexível, o que é um muito benéfico, já que durante o ciclo menstrual, muitas mulheres reclamam de retenção líquido e dores nas juntas. 

Chás

Já diziam as avós, chás são remédios para quase todos os nossos problemas! Denise conta que o de boldo, por exemplo, limpa o fígado e se torna muito eficaz, uma vez que a cólica é resultado também de um fígado congestionado. Além desse, o chá de camomila também é ótimo porque libera um aminoácido chamado "glicina", que reduz as contrações musculares e deixa o útero mais relaxado. Outro exemplo é o gengibre, que ajuda na retenção líquida.

A terapeuta explica que tanto a yoga como os chás, contribuem com o bom funcionamento do organismo como um todo, sem precisar recorrer a nada que não seja natural.

Aromaterapia

Uma opção apontada pela médica Larissa Cassiano é a aromaterapia. O procedimento é ótimo para aliviar os desconfortos. A especialista indica que sejam usados os óleos essenciais de lavanda e gerônimo. Fazendo compressas com eles, você deverá massagear a região das dores intensas. Eles aliviarão a tensão provocada pelas contrações uterinas. 

Acupuntura

Larissa Cassiano também indica a acupuntura para aliviar as cólicas menstruais. Ela estimula nervos e músculos do corpo, resultando na libertação de endorfina e outros fatores que auxiliam na redução da gravidade da dor, aumenta os níveis de óxido nítrico (também conhecido por monóxido de nitrogênio e monóxido de azoto) que relaxam o músculo, e também contribuem no combate ao estresse, presente durante os ciclos.

Como evitar?

Denise Cabral ainda dá dicas para evitar que a cólica menstrual aconteça. "O contato com a natureza, evitar produtos industrializados, utilizar copinho menstrual ou calcinha higiênica, tomar chá de boldo antes e após a menstruação podem ajudar a evitar ainda mais esse problema", aconselha.

Cuidados durante o ciclo também são recomendados. Tomar chás de camomila e gengibre, usar roupas confortáveis, e descansar, são mudanças eficazes de um ciclo natural e prazeroso.




    Veja Também

      Mostrar mais