Alto Astral

undefined
Reprodução: Alto Astral
Retenção de líquido: saiba o que fazer para evitar o inchaço

A retenção de líquido é um dos maiores desafios na vida de quem está tentando emagrecer , especialmente as mulheres. Entre as causas desse inchaço indesejado estão os maus hábitos alimentares, sedentarismo e disfunções no organismo, como hipertensão arterial e insuficiência vascular. Quanto aos sintomas, é comum perceber os pés inchados, sensação de peso nas pernas e marcas de dedos visíveis após ‘apertar’ alguma região do corpo.

“O inchaço se caracteriza pelo acúmulo excessivo de líquidos nos tecidos, que pode ocorrer em qualquer parte do organismo (inchaço generalizado) ou estar limitado a uma área específica do corpo (inchaço localizado)”, explica a endocrinologista Silvia Bretz. O processo ocorre quando os líquidos saem dos vasos sanguíneos e se acumulam entre as células. Então, para que a situação volte ao normal e o líquido perdido seja recuperado, os rins passam a reter mais sódio e água, levando à formação de edemas.

Para te ajudar a resolver essa questão, que não é um bicho de sete cabeças como parece, a especialista em massagens Patrícia Silva listou alguns hábitos simples para adotar no dia a dia e reduzir o inchaço de vez. Confira!

7 dicas para combater a retenção de líquido

Retenção de líquido: saiba o que fazer para evitar o inchaço
Foto: Shutterstock

Beba mais água

Pode parecer o contrário, mas essa é a dica mais importante no combate à retenção de líquido. Isso porque, ao ingerir cerca de 2 litros de água por dia, as células do corpo ficam mais irrigadas. Assim, além de manter a hidratação, o hábito faz com que o organismo acumule menos sódio.

Movimente-se

Ficar na mesma posição durante o dia inteiro é um grande problema para a circulação do sangue. Se você trabalha muito tempo sentada, por exemplo, o ideal para não reter líquidos é levantar da cadeira de tempos em tempos e se movimentar.

Pratique atividades físicas

Os exercícios físicos colaboram com diversos aspectos da saúde e, para evitar a retenção de líquido, não seria diferente. A prática é uma ótima alternativa para melhorar o inchaço, estimular a circulação, o fluxo de líquidos e de nutrientes no corpo e evitar a formação de edemas.

Aposte nos chás

Hibisco, chá verde, cavalinha e canela são algumas opções indicadas no combate à retenção de líquido, além de proporcionarem diversos outros benefícios ao organismo. Durante a gestação, vale a pena consultar um médico para saber quais deles você pode ou não consumir.

Diminua a quantidade de sal

Maneirar no sal durante o preparo das refeições é fundamental para que o corpo retenha menos líquidos. Uma boa alternativa para manter o sabor das receitas é investir em temperos naturais, como ervas e limão.

Aproveite as técnicas de massagem

A drenagem e a massagem modeladora são bons exemplos de técnicas que ajudam a combater o inchaço. A primeira delas ajuda a ‘expulsar’ os líquidos e toxinas acumuladas, enquanto a segunda atua na fluidez desses líquidos, facilitando sua eliminação.

Se for preciso, invista em meias de compressão

Em casos mais frequentes de retenção de líquido nos pés e pernas, o indicado é adquirir meias elásticas de compressão, principalmente quando for viajar de avião. Esse item ajuda a bombear o sangue para cima e, assim, ameniza o inchaço. Na dúvida, procure sempre um profissional especialista no assunto e consulte um médico!

Consultoria: Patrícia Silva, especialista em massagens do aplicativo Singu; Silvia Bretz, endocrinologista | Texto: Redação Alto Astral | Edição: Milena Garcia e Renata Rocha

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários