Christian Louboutin
Divulgação
Christian Louboutin

Figura icônica da moda, Christian Louboutin ganha uma nova exposição no Grimaldi Forum, em Mônaco. Intitulada L’Exhibition(nista) Chapter II – a primeira edição foi apresentada em Paris e agora segue reeditada pelo curador Olivier Gabet (Diretor do Musée des Arts Décoratifs) –, a mostra vai até 28 de agosto de 2022, oferecendo ao público uma nova perspectiva sobre o trabalho e vida do emblemático designer de sapatos. 

Longe de uma retrospectiva tradicional, a exposição foi concebida como uma alegre odisseia ao longo de três décadas transbordando criatividade – e está impregnado com a curiosidade por todas as artes e culturas.  

Christian Louboutin e o curador Olivier Gabet
Divulgação
Christian Louboutin e o curador Olivier Gabet

Trata-se de um espaço de 2.000 m2 que revela peças inéditas relacionadas as inspirações do designer, novas colaborações e sua relação com a cidade. “Quando Mônaco organiza exposições, garantem a liberdade de expressão pois os locais que os hospedam podem ser transformados à vontade. No Grimaldi Forum, vi Bacon e Giacometti, duas exposições que foram concebidas completamente diferentes. Havia uma liberdade em seu design e narração que me permitiu reimaginar a minha própria exposição sem constrangimento”, diz o designer. 

No centro da exposição, a sala “Museu Imaginário” junta os itens da coleção de Christian Louboutin do acervo pessoal e patrimônio, bem como peças artísticas emprestadas do público e de coleções particulares. Estas incluem peças dos museus monegascos, e vai explorar diversos temas presentes no trabalho do designer, como seu amor pela dança e a herança do Ballet Russo; a influência do pop de Warhol; o gênio fotográfico Helmut Newton; e o seu fascínio pela oceanografia. 

O banco “Marquesa Vermelha”, peça do arquiteto Oscar Niemeyer, está na mostra
Divulgação
O banco “Marquesa Vermelha”, peça do arquiteto Oscar Niemeyer, está na mostra

Christian Louboutin é apaixonado pelo Brasil, e com isso traz em sua exposição o banco “Marquesa Vermelha”, peça do arquiteto Oscar Niemeyer feito em conjunto com sua filha Anna Maria Niemeyer. A inspiração no artista brasileiro pelo designer francês é notável considerando a apresentação de sua última coleção foi feita em um prédio arquitetado por Niemeyer. 

Agora você pode acompanhar todos os conteúdos do iG Delas pelo nosso canal no Telegram.  Clique no link para entrar no grupo .

Enquanto os holofotes estarão nos sapatos, através de uma seleção de peças excepcionais que incluem alguns modelos exclusivos, o designer também quis homenagear aqueles que o inspiram e encantam. Com isso em mente, a exposição apresentará colaborações exclusivas de Christian Louboutin com artistas e designers de moda, incluindo uma instalação 3D personalizada e projetada pelo artista visual britânico Allen Jones.  

Siga também o perfil geral do Portal iG .

Contando com 13 salas no total, a abordagem de Christian Louboutin é extensa, refletindo sua personalidade e sua profunda compreensão do mundo, da arte, e da moda. A exposição é uma viagem em que a emoção e a experiência se misturam com seu amor pelo desempenho e um senso de humor.  

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários