Ensaio fotográfico de Teresa do Santos.
Foto: Arquivo Pessoal
Ensaio fotográfico de Teresa do Santos.


Teresa do Santos é a representante do Brasil na final do Miss Universo 2021 . O  evento acontece próximo domingo, 12/12, em Israel, a bordo de um navio cruzeiro. Dentre as roupas que a cearense vai desfilar, para o traje típico foi escolhido um macacão vermelho criado pelo estilista Bruno Oliveira, com o objetivo de remeter a árvore pau brasil, fazendo uso da técnica de retalhos patchwork e bordados.

“A ideia do traje típico é para enaltecer os 100 anos do Manifesto Modernista e alertar sobre a ação predatória do homem contra a natureza e  indígenas. Não é um desfile de alegorias ou folclórico. É o momento de tocar em uma questão sensível para o mundo. Não podemos desprezar temas como sustentabilidade na moda e preservação das florestas!” Declara o Bruno Oliveira.

O profissional que já trabalhou com celebridades como Claudia Raia e Thelma Assis, ainda explica como foi o processo de criação do traje vermelho, inspirado nos trabalhos modernistas de  Oscar Niemeyer.

Leia Também

Leia Também

 “A peça consiste em macacão pintado à mão, rebordado em vidrilhos e com apliques delicados de cristal, quase como uma segunda pele, que valoriza as curvas femininas, as mesmas que inspiraram outro mestre modernista, Oscar Niemeyer. Fizemos uma estrutura natural de vime, material muito leve, para reproduzir as copas do Pau-Brasil, partindo da silhueta esguia que simula o tronco. Folhas acetinadas bordadas nos braços darão movimento ao look durante o desfile”,

Ensaio com o traje
Foto: Arquivo pessoal

A miss representara o país na final do Miss Universo 2021

Além da preocupação ambiental, o traje da miss também carrega consigo a luta contra a violência a mulher, pela peça ter sido confeccionada por mulheres do projeto social  Vai Maria, que é voltado para mulheres que perderam a autoestima após sofrerem violência doméstica e mães de famílias em situação de risco. 

"Esse vestido tem um significado muito importante para mim. Muitas mãos e muitas histórias fizeram esses retalhos se transformarem nessa peça. É a segunda vez que uso esse vestido. Afinal, precisamos incentivar o consumo consciente, lembrando que roupas não são descartáveis", revela Teresa dos Santos.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários