Quando tinha apenas três meses, Kasey-Leigh foi encontrada morta. Na ocasião, em maio de 2018, a pequena estava de bruços no berço. “Eu imediatamente soube que havia algo errado. Eu a virei. Seus olhos estavam fechados e havia sangue em seu nariz”, diz a mãe, Charlene Enos, segundo informações do The Sun .

Leia também: Bebê morre embalado nos braços do pai que fazia cama compartilhada 

bebê berço
Reprodução/Facebook/Charlene Enos
Em maio do ano passado, a pequena Kasey-Leigh foi encontrada morta enquanto dormia no berço

Poucas horas antes de ser encontrada morta, seu pai, Phillip, havia lhe dado um alimento às 5h30 e a colocou de volta no berço antes que ela voltasse a dormir. Quando a mãe encontrou a filha desacordada, ela ficou desesperada e gritou por ajuda. “Ela disse que Kasey não estava respirando”, afirma o tio, Gary.

Ela foi levada às pressas ao hospital. A causa da morte foi confirmada como síndrome da morte súbita do lactente (SMSL) que, de acordo com a Sociedade Brasileira de Pediatria (SBP), acontece quando o bebê morre sem nenhuma causa aparente. Essa é a principal causa de óbitos em pessoas com menos de um ano e, no geral, acontece durante à noite. 

Leia também: Bebê de um mês morre sufocado enquanto dormia na cama com a mãe

A polícia de Lincolnshire, no Reino Unido, confirmou que não houve circunstâncias suspeitas ou envolvimento de terceiros na morte do bebê . “É claro para mim que Kasey-Leigh não poderia ter tido pais melhores”, pontua Timothy Brennand, médico legista. “Vocês são habilidosos, experientes e criaram outras três crianças”, continua. 

A morte da pequena aconteceu apenas três anos depois que o irmão de sua mãe, Killian, de 19 anos, morreu em um acidente de carro, na Irlanda do Norte, em dezembro de 2016. Carmel Doherty, a avó do bebê, que perdeu o próprio filho, diz que Kasey-Leigh trouxe imensa felicidade à família, segundo o Belfast Telegraph .

"Havia tanta emoção quando ela nasceu, porque ela nos trouxe uma nova esperança depois do que aconteceu com Killian. É tão triste agora ver minha própria filha passando pelo que experimentei. Não há nada que possamos fazer ou dizer para consertar o coração partido de uma mãe que perde um filho", finaliza. 

Como evitar a síndrome da morte súbita do lactente ?

Algumas recomendações da SBP são:

  • O bebê deve dormir de costas e com a barriga para cima;
  • A criança não deve ficar no carrinho ou bebê conforto por muito tempo;
  • Objetos que possam causar sufocamentos, como pano e lençóis, não devem ficar no berço;
  • O quarto deve estar em uma boa temperatura enquanto o bebê estiver dormindo;
  • Não fumar durante a gravidez ou após o parto, especialmente perto do bebê;
  • Não vestir a criança com excesso de roupas.

Leia também: Mãe ganha boneca de bebê recém-nascido para lidar com dor da perda do filho

Em caso de dúvidas, a recomendação é procurar um pediatra, que poderá explicar sobre a síndrome da morte súbita do lactente e como colocar o bebê corretamente no berço , além de outros problemas que são comuns durante a infância.

    Veja Também

      Mostrar mais