Mais mulheres estão participando das eleições deste ano
O Dia
Mais mulheres estão participando das eleições deste ano


A participação de mulheres cresceu nas eleições municipais deste ano nas 26 capitais do Brasil. Mas elas aparecem mais como vice nas chapas que disputam as prefeituras -- como candidatas ao cargo de prefeita, esse número, no entanto, não evoluiu.

Segundo os dados são do Tribunal Superior Eleitoral, o número de mulheres que se colocaram como opção para assumir prefeituras das capitais em 2016 era de 38 dos 209 concorrentes, representando cerca de 18%. Neste ano, esse número subiu para 56, mas são mais candidatos no total -- 314. A participação, portanto, ficou estável, em quase 18%.

Aos cargos de vice, a representatividade feminina cresceu. Em 2016, ela era de 27,7% e, agora, é de 41,7% -- ou seja, um crescimento de 14%.

Vale lembrar que as mulheres são maioria do eleitorado brasileiro. Segundo o IBGE, 52% da população apta a votação são do sexo feminino. Mas, das 26 capitais do Brasil, apenas três têm prefeitas. São elas: Teresa Surita (MDB), de Boa Vista, em Roraima; Cinthia Ribeiro (PSDB), de Palmas, no Tocantins, e Socorro Neri (PSB), de Rio Branco, no Acre.

Na eleição deste ano, três capitais sequer possuem candidatas: Manaus, no Amazonas; Belém, no Pará, e São Luís, no Maranhão. Por outro lado, a capital que tem mais candidatas ao cargo em 2020 é o Rio de Janeiro.

    Veja Também

      Mostrar mais