Tamanho do texto

Ter cabelos brancos - ainda mais quando se é jovem - pode ir além da genética

Os primeiros cabelos brancos costumam aparecer após 30 anos, mas muitas mulheres precisam lidar com eles anos antes, até mesmo no início da vida adulta . Geralmente, os fios perdem a cor em decorrência de fatores genéticos. No entanto, outras causas também estão associadas e são responsáveis por deixá-los assim.

cabelos brancos arrow-options
shutterstock
Os primeiros cabelos brancos costumam aparecer aos 30 anos, mas esses fios podem surgir antes por diversas razões

“O surgimento dos cabelos brancos é determinado por uma soma das características genéticas com os fatores ambientais. No caso de pessoas jovens pode ser por uma questão familiar, hereditária, mas também pode decorrer de outros fatores”, destaca a dermatologista Mirella Matos Ronchi, da Clínica Leger, no Rio de Janeiro. 

De acordo com Mirella, distúrbio nutricional ou metabólico, vitiligo, genodermatoses e piebaldismo também integram a lista de causas. “Para descartar as condições mais graves, é indicado procurar um dermatologista para uma avaliação”, destaca a profissional. Dessa forma, é possível verificar cada caso individualmente.

Filhos de pais com canície precoce, processo de envelhecimento dos fios que se deve à perda dos melanócitos (células que produzem a melanina, pigmento que dá cor ao cabelo), também tendem a ter os fios esbranquiçados logo cedo.

“O bulbo apresenta um número limitado de melanócitos. Quando este estoque termina, irá produzir apenas fios brancos ”, destaca a dermatologista Claudia Marçal, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia. 

Os cabelos brancos têm relação com o estresse? 

cabelos brancos arrow-options
shutterstock
Os cabelos brancos podem sugerir por diversas causas; mas, afinal, o estresse tem relação com a produção desses fios?

Pesquisas realizadas por diversas instituições já comprovaram a relação do estresse com os fios brancos . “ As células produtoras da melanina são danificadas pelo estresse oxidativo acumulado ao longo dos anos e, também, o empacotamento e migração do pigmento para dentro do fio não ocorrem com eficácia”, destaca Claudia.

Vale destacar que o estresse é reconhecido como um liberador de mensageiros pró-inflamatórios, o que pode piorar o processo de estresse oxidativo e acelerar o embranquecimento dos cabelos. E isso pode acontecer em pessoas que ficam estressadas durante anos por conta do estilo de vida que levam. 

“O tabagismo e a exposição à poluição devem ser evitados, já que produzem muitos radicais livres. O estresse, tabagismo, má alimentação e deficiência de vitaminas também podem influenciar nessa questão”, alerta Claudia, uma vez que esses fatores fazem os cabelos brancos aparecerem antes do previsto.