Ensaio sensual não tem idade, e se você tem alguma dúvida disso é porque você ainda não conheceu a Dona Zeza. Perto de completar 91 anos, Maria José de Mela da Silva posou ao lado da neta Renata, de 35 anos, e prova que as mulheres na sua idade podem, sim, ser sensuais e terem a beleza exaltada.

Leia também: Avó conquista web ao reproduzir ensaio fotográfico da neta

Mulher de 90 anos posando em ensaio fotográfico
Jaiel Prado
Dona Zeza, 90 anos, foi clicada em um ensaio fotográfico sensual e revela que a beleza pode existir em qualquer idade

O especialista em ensaios fotográficos femininos, Jaiel Prado, retratou avó e neta nas mesmas posições com o objetivo de valorizar a sensualidade feminina com arte e delicadeza, deixando a idade ser apenas um detalhe. "Todas as fases da vida têm a sua beleza, especialmente se você estiver feliz. Fui fotografada nas mesmas poses da minha neta.  O que o jovem faz o idoso também pode fazer", conta Dona Zeza ao Delas

Jaiel fala que ela não se intimidou com as lentes. Para o profissional, os registros mostram a beleza não apenas ligada ao corpo ou ao rosto. "Beleza vem de dentro, das histórias, das paixões, das conquistas, das decepções, das alegrias, tristezas, das superações, da vida. Acredito que toda mulher pode, deve e merece ter uma foto que represente toda a beleza que ela sabe que tem", diz. 

Nesse sentido, o ensaio contribui para reforçar os questionamentos sobre a pressão estética e os padrões de beleza. Será mesmo que só mulheres jovens e magras podem ser clicadas? Dona Zeza prova o contrário.

Leia também: 10 mulheres de corpos diferentes reunidas: ensaio fotográfico propõe aceitação

Sensualidade e empoderamento

mulher de 90 anos em ensaio fotográfico
Jaiel Prado
Para a avó, a experiência de ser fotografada foi transformadora e a fez com que ela se sentisse bonita e valorizada

Ser clicada por alguém que tem um olhar delicado e cuidadoso pode ser uma experiência transformadora. "Fiquei muito emocionada, me senti importante, levantou muito meu astral, até me senti mais jovem", afirma Dona Zeza.

O fotógrafo explica que uma boa sessão é capaz de produzir imagens que retratam tanto a essência da pessoa quanto o que ela está vivendo naquele momento. Nesse processo, a pessoa acaba repensando alegrias, conquistas e outros momentos marcantes. "Ela se apropria da própria história e só isso já a fazer se sentir única", relata Prado. 

"Acrescentar uma bela imagem desse instante de resgate/revisão de si equivale a uma injeção de autoestima na veia, chega a ser transformador. Isso é o verdadeiro empoderamento ", completa. 

Foi exatamente dessa forma que Dona Zeza se sentiu após ver os resultados: "Os idosos precisam disso. Me senti valorizada, mostrei as fotos para familiares, amigos e vizinhos e todos disseram que eu estava linda. Vivo recebendo mensagens de pessoas elogiando o ensaio." 

Além disso, ela recomenda que outras mulheres façam o mesmo. "Incentivo todas não perder as oportunidades que a vida oferece. Devemos aproveitar a vida em todas as fases enquanto pudermos."

Leia também: 9 dúvidas comuns sobre como é fazer um ensaio sensual respondidas

Como funciona o ensaio fotográfico sensual?

avó e neta em ensaio fotográfico
Jaiel Prado
Dona Zeza e a neta Renata, 35 anos, foram fotografadas por Jaiel Prado no mesmo ensaio sensual com as mesmas poses

O ensaio produzido por Jaiel é conhecido como Boudoir e inspirado em um estilo francês. Nele, o fotógrafo preza pela delicadeza e valoriza a beleza feminina com toques naturais e  muita arte. A sensualidade é expressada com sensibilidade, de forma elegante e suave.

Para conseguir isso, ele explica que antes de começar a sessão de fotos faz questão de conhecer bem suas modelos, escutar suas histórias, seus anseios, preocupações, saber o que gostam: "As poses são pensadas depois de muita conversa, variam de acordo com a pessoa retratada e são desenvolvidas a quatro mãos. Procuro produzir imagens esteticamente bonitas e que ao mesmo tempo transmitam o que a pessoa é".

ensaio fotográfico
Jaiel Prado
As poses das fotos são pensadas para que a modelo se sinta confortável e consiga transmitir a sua essência

Além disso, o fotógrafo conduz uma conversa durante a sessão para que a modelo se sinta mais confortável. "Começo a fotografar durante a conversa de modo natural e aos poucos estabelecendo minha direção sem interromper a conversa. De modo geral a regra do jogo é ouvir mais do que falar, bom humor e muitos elogios", detalha.

Segundo ele, os ensaios não utilizam truques de luz, nem excesso de retoques nas fotos, mas técnica. Também não há restrição para as mulheres que desejam fazer um ensaio fotográfico . "A fotografia boudoir valoriza o que a mulher tem de melhor", finaliza o fotógrafo.

    Veja Também

      Mostrar mais