Tamanho do texto

Seja por suas atitudes ou falas, Anitta já mostrou que pode ser um símbolo de empoderamento e inspiração para muitas mulheres; confira essa lista

Sempre polêmica, Anitta já foi apontada como só mais um produto de marketing por ativar sua militância só quando convém, mas também defendida por quem acredita que ela é, sim, um símbolo de empoderamento feminino por representar a mulher que faz o que quer.

Leia também: Em foto de biquíni, bailarina da Anitta mostra o que é um "corpo de verão"

Anitta é, sem dúvida, a cantora brasileira mais popular da atualidade e também é símbolo de empoderamento
Reprodução/Instagram @anitta
Anitta é, sem dúvida, a cantora brasileira mais popular da atualidade e também é símbolo de empoderamento

Seja lá qual for a sua opinião sobre ela, não dá para negar que Anitta já protagonizou muitas discussões que fizeram as pessoas refletirem sobre a maneira como a mulher é vista e tratada pela sociedade. Só por isso, ela já merece um ponto positivo, não acha?

Na segunda-feira (19), a estrela pop falou ao Gshow nos bastidores do Domingão , onde apareceu para cantar seu novo hit “Terremoto", e voltou a tocar no assunto sobre empoderamento feminino e amor próprio.

"[Eu] era super insegura. Ficava com essas inseguranças de ter tudo perfeito. Mas hoje em dia, acho que nossa perfeição está aqui, na cabeça, na nossa confiança. Hoje em dia, não estou nem aí", afirma.

Diante da fama e reconhecimento do público, ter a maior cantora brasileira da atualidade dando um recado sobre “body positive” é inspirador. Mas essa não foi a primeira vez que isso aconteceu. Anitta já deu seu recado várias vezes, seja por meio de suas falas ou atitudes. Quer ver só? A gente separou alguns exemplos, confira.

Anitta e as celulites

Clipe de
YouTube/Anitta/Reprodução
Clipe de "Vai Malandra" começa com close em um bumbum de Anitta que tem, sim, celulite, assim como qualquer mulher

Sem dúvida um dos momentos mais icônicos do clipe “ Vai Malandra ” é aquele das  celulites exibidas propositalmente pela cantora. Os primeiros segundos do vídeo  mostram sua bunda, que é bunda normal, com marcas de celulites, comum em qualquer outra mulher.

Apesar de ser uma cena completamente corriqueira, retratar a realidade de muitas mulheres dessa forma em um videoclipe, sem recorrer aos recursos gráficos para esconder as "imperfeições" foi tido como um ato corajoso e desafiador aos padrões estéticos.

Em entrevista ao programa Bem-Estar , ela afirmou que um dos motivos de ter entrado em uma “deprê total” é que nunca estava feliz com seu corpo e aceitar a celulite a ajudou no processo de aceitação.

“Eu ficava ótima, com barriga chapada e tudo incrível, só que a celulite tava lá. E virava uma coisa muito frustrante pra mim, porque eu ficava lutando contra elas e elas não saíam do meu corpo nunca. Hoje em dia, eu ando com elas e não estou nem aí."

Cirurgias plásticas sim, e daí?

Anitta admitiu ter feito várias plásticas e sempre brinca quando falam sobre os procedimentos que deram errado
Reprodução/Instagram/@anitta
Anitta admitiu ter feito várias plásticas e sempre brinca quando falam sobre os procedimentos que deram errado

“Outro dia, meu pai estava falando: ‘Minha filha, como você é linda, puxou ao pai’. Aí eu falei: ‘Presta atenção, [aqui] tem várias plásticas’”, brincou Anitta em uma participação no programa Amor & Sexo , ao falar sobre as cirurgias estéticas e o preço que gastou com elas. “No meu caso, milhões”.

Sem fazer questão de esconder, a celebridade já admitiu ter feito diversas intervenções, como rinoplastia, lipoaspiração, redução de mamas e preenchimento labial. Ela fala sobre isso sem problema. “Eu não me arrependo nem um pouco! Sou superfeliz com tudo o que fiz”, afirmou ela à Quem .

Mesmo fazendo os procedimentos estéticos, modificando o corpo, reconhecer as cirurgias como algo que fez bem para sua autoestima e levar a situação com bom-humor, inclusive quando elas não saíram como o planejado, também é um jeito de se mostrar empoderada.

Ela é empresária, ela

 Anitta administra sua carreira desde 2014 e, em 2017 também tentou lançar dois cantores pela sua produtora
Reprodução/Instagram @anitta
Anitta administra sua carreira desde 2014 e, em 2017 também tentou lançar dois cantores pela sua produtora

Além de cantar, dançar, modelar, Anitta também é empresária. Ela administra a própria carreira musical, desde 2014, e também passou a cuidar da de Micael e Clau, em 2017.

Com a Rodamoinho, a estrela pop expandiu os negócios e criou uma produtora que, em janeiro  deste ano, fez com que ela estampasse a capa da revista Exame para falar sobre negócios e a vida como empresária.

“Para quem, ainda no século 21, se pergunta o que uma funkeira de 25 anos cheia de plásticas que rebola a bunda tem para dizer numa revista de negócios: se pergunte o que faz um empresário para criar um produto de destaque no país que sobreviva por mais de 5 anos em ascensão. Se pergunte o que um empresário faz para pagar seus impostos e tocar seu negócio respeito às leis complicadíssimas do Brasil dentro da legalidade e ainda assim obter lucro no final”, escreveu ela em uma publicação no Instagram.

E continua: “Se pergunte como um empresário faz para sobreviver há tempos de crise mantendo as dezenas de empregos que gera. Se pergunte como um empresário faz pra manter o controle diante de tantas vidas que ficam à mercê de suas decisões. Se pergunte como você faria isso se tivesse nascido em um ambiente de pouquíssimas oportunidades, muito preconceito, dificuldades e competitividade. Se pergunte como fazer isso dos 18 aos 25 anos de idade”, finalizou.

Furacão, ou melhor, “Terremoto” brasileiro

Depois do sucesso de
Reprodução/Instagram
Depois do sucesso de "Vai Malandra" no carnaval passado, Anitta e Kevinho lançaram "Terremoto", que promete ser o grande hit deste ano

Não é à toa que tudo que a cantora faz tem a repercussão que tem. Listada pela revista Vogue como uma das 100 pessoas mais influentes e criativas do mundo, ela chegou a ser citada justamente por conta de seu "engajamento em prol da positividade em torno do corpo ilustrada pela escolha afirmativa de exibir sua imagem sem retoques no vídeo de "Vai Malandra".

Em 2013, um ano após lançar seu primeiro álbum, ela foi a cantora que se manteve por mais tempo no topo do iTunes Brasil, sendo eleita a "Artista do Ano" pela empresa. Em 2015, ela ganhou o prêmio MTV EMA Worldwide Act Latin America, sendo a primeira artista brasileira a vencer a premiação.

Anitta também é uma das celebridades mais influentes das redes sociais, ficando em 15ª posição no ranking Social 50 da Billboard norte-americana, que escolheu as artistas mais influentes do mundo na web em junho de 2017.

Leia também: “Mostrar o bumbum nas redes é um ato político”, diz a cantora Vanessa da Mata

Seu investimento na carreira internacional também teve resultado. "Vai, Malandra", por exemplo, foi a primeira música em português a entrar no Top 20 Global do Spotify, que reúne as mais tocadas no mundo inteiro. O feito inédito para um artista brasileiro colocou o hit na 18ª posição dois dias após ser lançado. É muito poder, Anitta !

    Leia tudo sobre: Anitta
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.

    Notícias Recomendadas