Tamanho do texto

Decoração geométrica está em alta e deixa os ambientes modernos; veja

A decoração com formas geométricas ganhou fama pela proposta singular e cheia de referências às artes plásticas. Apesar disso, adotá-la não significa construir um ambiente que ficará sempre igual. Há diversas combinações possíveis e, com isso, o lar fica moderno, atemporal e com um toque de originalidade. As afirmações são de um artigo divulgado pela marca Todeschini.

Leia também: 6 tendências de papel de parede para inovar na decoração e mudar os ambientes

Apostar em formas geométricas para decorar a casa deixa o lar atemporal e moderno. Confira algumas dicas e inspirações
shutterstock
Apostar em formas geométricas para decorar a casa deixa o lar atemporal e moderno. Confira algumas dicas e inspirações

A boa notícia é que dá para ter formas geométricas em vários espaços da casa, pois não é um estilo marcado por regras e padrões pré-concebidos. Afinal, elas podem ser usadas na mobília, nos revestimentos, em itens decorativos e até mesmo em eletrodomésticos.

Dessa forma, é possível colocar linhas, formatos, acabamentos e figuras desses elementos no décor e transformá-los no centro das atenções. “A premissa por trás é permitir com que você explore a sua criatividade e expanda o seu senso estético com composições de ambientes originais, dinâmicos e, acima de tudo, modernos”, ressalta a marca.

A empresa ainda explica que a decoração geométrica surgiu a partir do desejo de arquitetos, decoradores e designers de não apenas valorizar, mas, principalmente, destacar a forma das coisas dentro de um ambiente. O estilo ainda ajuda a criar cenários visualmente ricos em detalhes que instigam, mexem com os sentidos e provocam a sensação de movimento ou calmaria.

Para quem deseja adotar a tendência, é importante saber que tanto as superfícies verticais quanto as horizontais funcionam para isso. As paredes e os pisos são as partes mais exploradas. “Existe uma boa variedade de revestimentos, como papéis de parede, ladrilhos hidráulicos, azulejos e pastilhas que contêm inúmeros padrões geométricos e podem ser aplicados sobre os dois”, diz outro trecho.

Uma das sugestões para explorar essa possibilidade é revestir o piso e a parede com o mesmo material e, assim, provocar a sensação de continuidade entre ambos. Outra ideia é usar um revestimento para criar composições nas áreas que se complementam e que, quando observadas de longe, criam silhuetas e imagens que harmonizam com os ambientes.

Vale ressaltar que a decoração pode ser utilizada nas áreas de convivência, como é o caso da sala de estar, de TV ou até mesmo a varanda. Além disso, é bem-vinda nos dormitórios, nas áreas molhadas, como lavabos e banheiros, ou, se ainda preferir, em toda a residência. Essa questão ficará ao critério de cada morador.

Dicas para adotar as formas geométricas na decoração

As formas geométricas ficam bem em todos os cômodos da casa, mas é importante ter cuidado para não prejudicar o estilo
shutterstock
As formas geométricas ficam bem em todos os cômodos da casa, mas é importante ter cuidado para não prejudicar o estilo

O material explica que os móveis da decoração geométrica compartilham de algumas características mais acentuadas. Isso permite que eles tenham um visual não só de exclusividade, como também de elegância por conta dos detalhes. Mesas, balcões e aparadores, por exemplo, costumam ter a superfície mais minimalista.

Já as estantes, por sua vez, podem ser mais vazadas e com um design cheio de ramificações. Por outro lado, criados-mudos, cabeceiras de cama e gaveteiros possuem desenhos geométricos, como parapelepípedis, cubos e hexágonos. O sofá também não fica de fora. Ele pode ter os pés à mostra e a ausência de braços.

Leia também: 4 erros na decoração de casa que você comete sem perceber e como evitá-los

Em relação às estampas, uma das alternativas é trazer para os elementos mais básicos do dia a dia, como peças de cama, roupas de banho, mantas e cortinas. Os itens podem conter desenhos, sejam eles quadrados ou com triângulos, listras e círculos. Dá para aproveitá-los bem em diferentes cômodos, mas é necessário ter harmonia.

A dica para deixar a casa equilibrada e elegante é não inserir diferentes tipos de padronagens em um mesmo ambiente, especialmente se eles contam com ilustrações contrastantes e tonalidades muito intensas. Isso pode causar fadiga visual e deixar o local com muita informação.

Quais acessórios não podem faltar na decoração geométrica?

Para não errar na hora de adotar as formas geométricas na decoração de casa, confira algumas ideias e sugestões
shutterstock
Para não errar na hora de adotar as formas geométricas na decoração de casa, confira algumas ideias e sugestões

Alguns itens decorativos são predominantes e raramente ficam de fora, justamente pela diversidade de designs que podem ser encontrados no mercado. Entretanto, como já mencionado, não devem ser usados todos ao mesmo tempo em um só ambiente.

Confira algumas sugestões e inspire-se ao decorar seu lar:

  • Banheiro: espelho, porta-papel higiênico e nichos;
  • Cozinha: bandejas, relógio e jogos de mesa;
  • Quarto: quadros, abajur e roupa de cama;
  • Sala de estar: tapete, luminárias de piso e almofadas;
  • Sala de jantar: castiçais, pendentes e prateleiras;
  • Varandas: adesivos de parede, banquetas, vasos e terrários.

Leia também: Tapetes em todos os cômodos! Saiba como usá-los sem erros

Cada espaço é explorado de uma maneira para evitar que fiquem sobrecarregados e, principalmente, deixar os recintos diferentes um dos outros. Por fim, vale mencionar que utilizar as formas geométricas na decoração deixará o ambiente mais refinado e repleto de detalhes que prometem prender a atenção de qualquer pessoa.

    Leia tudo sobre: casa