A massagem tântrica explora o energético do corpo
FreePik
A massagem tântrica explora o energético do corpo

Descobrir novas formas de prazer já é bom, mas descobrir técnicas que vão deixar o seu orgasmo e o do parceiro mais intensos e duradouros é ainda melhor!  A massagem tântrica trabalha o lado energético do corpo e tem como base o Tantra, técnica e filosofia que existe há mais de 4 mil anos. Ela explora a sensibilidade e intensifica as sensações do corpo. O sexo tântrico utiliza as manobras da filosofia e vai deixar o Dia dos Namorados ainda mais intenso. 

Se o objetivo é fazer uma surpresa inesperada e deliciosa no parceiro, a massagem focada no lado mais sensual é ótima pedida. A terapeuta tântrica Giovanna Fernandes explica que o objetivo principal é a expansão do prazer. “Fazer com que a energia sexual seja além do órgão sexual; ativando o lado sensorial, rompendo padrões e consequentemente descobrindo novos prazeres”, conta. 


As manobras direcionam o prazer para que o ponto de chegada seja um orgasmo contínuo e não um pico extremo e breve. A massagem não é recomendada para pessoas com doenças circulatórias, hipertensão e taquicardia. Fora isso, aproveite as dicas para ter momentos de intimidade com muito mais tesão e prazer para ambos.


Prepare o ambiente 


Para deixar o clima bem especial, a preparação do ambiente não pode ficar de fora. “Luz baixa! Uma boa música. Gosto de indicar a prática a dois sem uso de perfumes, hidratantes, incensos ou velas aromáticas (para o aroma principal ser o cheiro natural dos corpos.) No chão forrado com um edredom ou tapete é o ideal para não limitar espaço”, explica a terapeuta. Colocar uma playlist sensual também é uma ótima dica para quem gosta de música na hora H. 


A pré-massagem 


Se quer garantir que a experiência será única e especial, Fernandes indica o uso de óleos vegetais ou óleos de massagem a base d’água para fazer as manobras no corpo do parceiro. É importante também tirar anéis e manter as unhas cortadas, para não correr risco de machucar nenhuma região do corpo que irá receber a massagem. 

Você viu?

Explore todos os sentidos 


Desvende o corpo do parceiro, instigue os sentidos e foque no prazer. “Cheiros, lambidas, o olho no olho... toques leves por todo corpo, gemidos sincronizados. Primeiramente, tirar o foco da região sexual!”, diz Fernandes.  

A técnica pode ser feita por etapas, sendo a primeira delas a Sensitive. Comece passando a ponta dos dedos suavemente na pele. Não toque no órgão do parceiro até que o clima de excitação esteja completo!

Na segunda etapa é voltada para Lingam (pênis) e Yoni (vulva). Comece a massagear o os órgãos tocando em toda a região com cuidado e sensibilidade. Nos homens, não esqueça da glande e dos testículos. Nas mulheres, explore o clitóris e a vulva. No nível mais avançado, o ponto G pode ser estimulado, mantendo a calma e suavidade nos toques. 


“O toque suave pelo corpo todo é a chave. Na região sexual, explorar cada espaço com movimentos suaves, podendo variar a velocidade e pressão”, completa.  

Os movimentos ensinados neste vídeo do canal Terapia do Prazer, são fáceis e ótimos para quem deseja iniciar na massagem tântrica. 


Vá sem pressa! Aprecie o momento e trabalhe bem todas as áreas do corpo que desejar, sem ter pressa para terminar a massagem. Se permita viver as sensações da massagem tântrica e aproveite o Dia dos Namorados de uma forma diferente e especial! 

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários