Durante entrevista para o Lady Night, na última semana, Luciano Huck contou para  Tatá Werneck que ele e a Angélica são adeptos do sexo tântrico. Ele ainda completou dizendo que esse era o segredo para o seu casamento  dar tão certo.

sexo tântrico
Pexels
Guia para iniciantes sexo tântrico



Apesar do sexo tântrico de ser uma prática bastante antiga e muitas pessoas terem  curiosidade  sobre o tema, muita gente não sabem muito bem do que se trata. Para saber mais sobre assunto o iG Delas conversou com Aline Cristina de Moraes, psicóloga, Sexóloga, colaboradora da  Plataforma Sexo sem Dúvida e idealizadora do projeto prazernosso . Confira.


O que é sexo tântrico? 


Otantra é uma prática milenar.  Seus princípios são a conexão consigo mesmo, levando a uma maior expansão da energia sexual.  Isso resulta em mais intimidade e mais prazer para o casal. 


Como a energia sexual é muito potente e forte, afinal é a energia que gera vidas, ocê pode se conectar com essa energia de forma muito mais profunda no sexo. 


“Sexo tântrico é um sexo que costuma ser num tempo maior, sem pressa, com mais intimidade, mais conexão de ambos , toques mais sutis, respiração mais lenta e profunda e muita expansão de prazer pelo corpo todo”, completa. 


 Como que funciona? 


Para o tantra, o sexo é sagrado. Não no sentido reliogioso, mas como algo muito especial, como um momento em ambos se vêem com muita honra, com muita importância e principalmente muita presença e muita proximidade física e emocional. 

Outra forma de funcionamento do sexo tântrico é o fator tempo, que a ideia é justamente o contrário da sociedade atual, onde tudo precisa acontecer rápido e geralmente sem muita consciência.

O sexo tântrico é para o casal viver uma experiência muito profunda e intensa de conexão um com o outro, ampliar seus potenciais orgásticos e melhorar também seu prazer como um todo, já que o orgasmo não é o principal objetivo. Porém quando ocorrem no sexo tantrico, os orgasmos são considerados algo transcendental e a sensação de prazer atinge todo o corpo.

“Na prática há muito olho no olho, respiração mais profunda, pois amplia a sensibilidade do corpo e ambos ficam mais presentes, muitos toques sutis e massagens pelo corpo todo. Aqui é algo diferente também do comum, que é o foco mais nos genitais, no tantra você tem a chance de despertar os sentidos do seu corpo todo”, explica. 

Dicas para praticar o sexo tântrico


A sexóloga lista três coisas básicas que precisa ter se você quiser testar o sexo tântrico em uma próxima oportunidade: respiração, olho no olho e disponibilidade.

RESPIRAÇÃO

 “Estamos acostumados a uma respiração mais ofegante, mas na verdade respirar menos, também é sentir menos. Então comecem respirando mais profundamente durante o sexo, que vai começar modificar os canais sensoriais”, diz a especialista.


OLHO NO OLHO

“Essa posição acima já facilita esse contato olho no olho, e acredite, gera muito mais presença e conexão. Se olhem o máximo possível enquanto respiram profundamente, e podem ir alternando com os toques leves, sutis pelo corpo inteiro, de forma bem leve e devagar, sem pressa”, aconselha.


DISPONIBILIDADE

Por fim, é muito importante não ter pressa. “Estarem disponíveis para essa experiência, tendo maior consciência de que troca do sexo é uma troca muito importante de energias, de contato um com o outro, e estar disponível e inteiro para viver essa experiência é princípio básico. Do contrário você não se conecta consigo e nem o outro de forma mais profunda”, finaliza.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários