Tamanho do texto

Nutricionista funcional lista dicas que, ao serem colocadas em prática, ajudam qualquer pessoa a deixar o cardápio mais saudável de forma simples

Há quem tenha dois empregos, cuide da casa ou divida o dia entre estudos e trabalho. Com tantas tarefas para cumprir, deixar a saúde de lado é um erro comum, mas que deve ser combatido. Fazer o possível para ter uma alimentação saudável, por exemplo, já é um passo para melhorar o bem-estar, render mais nas atividades e melhorar os exames.

Leia também: Receitas saudáveis dos alimentos queridinhos pode ser uma boa alternativa

Um prato com verduras e legumes, além de encher a vista, ajudam qualquer um a ter uma alimentação saudável
shutterstock
Um prato com verduras e legumes, além de encher a vista, ajudam qualquer um a ter uma alimentação saudável


Em entrevista ao Delas , a nutricionista funcional Daniella Barbosa afirma que é essencial ter o acompanhamento de um profissional da área para seguir um cardápio equilibrado. Não conseguir ir às consultas, porém, não é motivo para jogar tudo para o ar e consumir apenas besteiras. “Fazer as compras na feira já é, na maioria das vezes, uma forma de investir na alimentação saudável ”, diz ela.

Alimentos integrais e minimamente processados, que podem ser encontrados com bom preço, são ótimos “amigos”, segundo a especialista. O que não pode acontecer é cair no senso comum e acreditar que ingerir esses nutrientes em grande quantidade é a solução para os problemas, pois tudo consumido em excesso é ruim.

“Muita gente acha que é saudável comer tudo integral e acaba comendo muito carboidrato, então é bom balancear. Existem castanhas, o ovo mexido também é indicado para comer de manhã. Você não precisa comer pão sempre”, aconselha a profissional. Ter discernimento para definir quando está exagerando, segundo ela, também é importante e não requer tempo, apenas força de vontade.

Para nutricionista, alimentação saudável é mais fácil de ser seguida quando os alimentos são comprados na feira
shutterstock
Para nutricionista, alimentação saudável é mais fácil de ser seguida quando os alimentos são comprados na feira


Todo mundo já está "careca" de saber que ingerir frutas, verduras e fugir dos alimentos processados e industrializados é o caminho para uma alimentação mais saudável. Colocar isso em prática que é difícil, mas para facilitar Daniella dá uma dica.

Leia também: Influenciadoras fora do padrão que vão te fazer deixar o sedentarismo agora

“Eu sempre recomendo comprar uma bolsa térmica bonitinha porque isso dá até vontade de levar um lanche ou uma marmita. Assim, a chance de 'enfiar o pé na jaca' é menor. Dentro dela dá para colocar frutas, iogurte natural, grão de bico cozido ou assado porque é uma proteína boa. Salada de pote também dá para levar”, incentiva.

Os erros mais comuns de quem quer ter uma alimentação saudável

Fazer dieta para resolver algum problema de saúde sem consultar um médico não é apostar em alimentação saudável
shutterstock
Fazer dieta para resolver algum problema de saúde sem consultar um médico não é apostar em alimentação saudável


De acordo com a nutricionista, além de exagerar no que costumamos dizer que “faz bem para a saúde”, um dos erros mais comuns das pessoas está em querer seguir uma dieta mais regrada por imaginar que está com algum problema de saúde , como a gastrite, mas não procurar um médico achando que resolverá tudo só comendo salada.

“Às vezes, a pessoa tem uma gastrite gerada por uma hipocloridria, que é a baixa produção de ácido no estômago, e começa a tomar remédio a torto, e a direito, deixa de consumir alimentos ácidos, que era o que precisava. Por isso, mesmo com a falta de tempo , é preciso avaliar”, diz.

Outro errinho básico e muito comum é o fato de beber algum tipo de líquido enquanto faz refeições. Segundo a nutricionista, isso atrapalha a digestão e a sensação ruim vai fazer com que você não sinta os benefícios de estar focando em uma alimentação mais regrada.

“Até uns 200 ml de líquido, tudo bem, mas mais do que isso atrapalha a digestão porque o suco gástrico precisa agir no alimento para poder digerir. Se você joga água, todas as enzimas de digestão do estômago são diluídas e isso retarda o processo, o que também pode gerar problemas a longo prazo”, alerta.

Leia também: Largar a vida fitness é possível, mas não de uma só vez; entenda o porquê

Aos que desejam seguir uma alimentação saudável mesmo com a falta de tempo, Daniella é incisiva ao explicar que ler os rótulos dos produtos nos supermercados é essencial antes de realizar a compra. “Muitos alimentos têm bastante gordura”, diz ela, sem dar trégua nem para as barrinhas de cereais.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.