Projeto registra conversas que marcaram a vida de pessoas comuns

Listening Project da BBC grava e eterniza diálogos que foram definitivos para ingleses anônimos

BBC Brasil |

BBC

"Eis uma pergunta que eu nunca fiz: se eu morrer antes, você se casaria de novo?", questiona o aposentado Jim a Joan, sua esposa desde a juventude. "Não", responde ela. "Você é insubstituível. Meu sentimento é igual ao de quando éramos jovens.Provavelmente nos amamos mais agora". A conversa entre marido e mulher foi gravada pela BBC Radio 4 e pela Biblioteca Britânica, num projeto que tem como objetivo captar conversas importantes entre duas pessoas comuns, que tenham uma história em comum.

Thinkstock Photos
Conversas de pessoas comuns agora podem ser eternizadas em gravações
Daqui a anos ou séculos, essas conversas e os assuntos que elas envolvem – amor, casamento, perda, religião, família – darão uma ideia de como era a vida de um cidadão típico no início do século 21, explica Tony Philips, organizador do Listening Project na BBC.

"O objetivo é gravar uma conversa que a pessoa sempre quis ter com alguém próximo a ela", esclarece Tony. O assunto cabe a eles. Mas deve ser algo de que eles realmente queiram falar – uma conversa de que eles se arrependeriam se não a tivessem.

"O resultado são diálogos que tendem a marcar a vida de seus participantes, explica Philips, ao satisfazer a "necessidade básica do ser humano de conversar nesse nível (de profundidade)".

O casal norte-irlandês descrito acima, por exemplo, escreveu a Philips para agradecer a experiência, "que lhes fez pensar o quão frequente na vida não damos cem por cento da nossa atenção às pessoas que amamos", principalmente na era da comunicação virtual.

Gravar e mandar

As primeiras conversas do projeto foram gravadas por produtores da BBC Radio 4 e de outras rádios regionais da BBC, com cidadãos que conheceram na comunidade. Mas a ideia é que qualquer morador do Reino Unido participe do projeto, gravando suas conversas (de cerca de 30 minutos) onde quiserem e mandando o material pelo site do  Listening Project.

BBC Brasil
Algumas conversas selecionadas são editadas e transmitidas pela BBC
Algumas conversas selecionadas são editadas e transmitidas pela BBC (também estão disponíveis para serem escutadas no mesmo site).

Todas serão arquivadas pela Biblioteca Britânica como parte da história oral do país.Iniciado há poucos meses, o Listening Project recebeu até o início de maio cerca de cem conversas.

A transmissão pela BBC ocorrerá de forma intermitente – durante três meses, com intervalos de outros três –, mas o projeto não tem data para acabar.

Para Rob Perks, curador de História Oral da Biblioteca Britânica, "o Listening Project pode prover momentos de percepção sobre a Grã-Bretanha contemporânea: o que cada canto do país pensava sobre suas vidas e seus amores, o que lhes entusiasmava ou decepcionava, seus sucessos e fracassos".


A iniciativa foi inspirada pela ideia americana Storycorps, que visa dar a americanos de diferentes origens a oportunidade de gravar a história de suas vidas como documentos da Biblioteca do Congresso do país.

Leia também: Site permite que pessoas em todo o mundo compartilhem segredos

No Brasil existe desde 1991 o Museu da Pessoa , que, em vez de conversas, arquiva "histórias de vida" de pessoas comuns. Qualquer um pode agendar uma sessão no museu, em São Paulo, para que sua história seja gravada, editada e colocada no site da instituição. Já foram gravados 15 mil depoimentos, segundo a assessoria do museu.


Continue lendo:
Discutir a relação nem sempre é a resposta
Como causar a melhor impressão em 5 minutos


>>> Assine a Newsletter, curta nossa página no Facebook e siga o @Delas no Twitter <<<
 

Notícias Relacionadas


    Mais destaques

    Destaques da home iG