Tamanho do texto

Celebração teve duração de três dias e contou com vários rituais dos vikings

Em maio deste ano, Dorian Yuste, de 43 anos, e sua parceira, Charlee, 34, se casaram no Texas, nos Estados Unidos. O que chamou atenção é que, no lugar do tradicional vestido branco da noiva e do bolo de casamento, a festa, com duração de três dias, foi feita no estilo viking e contou com pacto de sangue e animais assados. 

Leia também: Mulher com barba se casa com noivo em cerimônia com crenças cristã e satanista

casamento viking
Reprodução/Metro.co.uk
Casal faz casamento viking no Texas, nos Estados Unidos, e, entre os rituais adotados, um deles envolve um pacto de sangue

“Quando jovem, minha avó queria que eu me tornasse um padre católico, mas nunca foi a vida que eu queria para mim. Quando descobri a antiga religião dos vikings, em 2011, através de alguns amigos que gostavam do paganismo, senti que havia encontrado meu povo”, diz Dorian ao site metro.co.uk .

O casal se conheceu em março de 2018 no Sherwood Forest Faire, festival em que os visitantes se vestem com roupas históricas e desfrutam de diversos espetáculos. Pouco tempo depois, eles resolveram se casar. “Nós tentamos tornar nossa união tão fiel possível quando uma cerimônia viking. Havia uma mágica que não teríamos em um casamento normal”, ressalta.

Praticante do Medievalismo, Charlee fala sobre a aproximação com o marido. “O que realmente me atraiu no Dorian é que ele é tão verdadeiro. A gente se deu muito bem imediatamente e, a partir daquele momento, soube que queria estar com ele”, afirma.

Três semanas depois, mudou-se para a casa de Dorian com seu filho, Harrison, para morar com ele e sua filha, Coco, de um relacionamento anterior. Eles decidiram se casar em 18 de maio de 2019, na lua cheia, conhecida como a Lua da Flor, um símbolo de crescimento e nova vida.

Leia também: 10 dicas para não deixar religiões diferentes estragarem a relação do casal

“Tivemos um casamento civil para que fossemos casados perante a lei. Mas não havia dúvida de que teríamos uma cerimônia viking , que teria muito mais valor sentimental do que qualquer outra coisa”, ressalta Dorian.

Mais detalhes do casamento viking

casamento viking
Reprodução/Metro.co.uk
Foto mostra os convidados do casamento com estilo viking, em que os noivos fizeram diversos rituais tradicionais

A festa foi realizada no jardim da casa onde moram e recebeu 44 convidados. Depois de cantar uma antiga canção norueguesa para comemorar membros da família mortos e amigos não presentes, o casal trocou votos e teve as mãos amarradas por uma corda, ritual que foi praticado durante o tempo dos Vikings.

Em seguida, os recém-casados ​​e seus convidados comeram javali, que o próprio noivo havia caçado ao redor de sua propriedade. Eles comemoraram até tarde. “Estávamos todos muito bêbados”, aponta Dorian. “Quando a lua começou a aparecer, lembramos que tínhamos que fazer um outro ritual ”, continua.

Os noivos, então, adotaram um pacto de sangue. Com uma pequena lâmina, eles fizeram pequenos cortes nas mãos. Primeiro, eles deixaram pingar no chão e, sem seguida, juntaram as feridas, misturando o sangue deles. Sobre a prática, Charlee diz: “Parece muito louco, mas os cortes eram pequenos.”

Leia também: Tipos de casamento: como escolher o estilo ideal para você?

Depois disso, todos voltaram a se divertir e se sentaram em volta de uma fogueira para contar histórias e curtir a companhia um do outro. No dia seguinte, as pessoas continuaram por lá. “Foi uma maneira tão linda de celebrar o amor”, diz um dos convidados do casamento