Tamanho do texto

A mãe de Kerry foi diagnosticada com um câncer terminal há dois meses e, por conta disso, ela resolveu adiantar a união; confira fotos da cerimônia

O desejo de muitos pais é acompanhar todos os detalhes do casamento dos filhos. Com a inglesa Cindy Davies, de 52 anos, não seria diferente. No entanto, a mulher, diagnosticada com câncer terminal de intestino há seis semanas, temia que não estivesse viva para ver a filha e noiva, Kerry Webb, de 31 anos, se casar em uma cerimônia planejada para o começo do ano que vem.

Leia também: Pais de bebê com câncer terminal antecipam casamento para filho entrar na igreja

A noiva Kerry Webb precisou se casar às pressas no hospital para que a mãe com câncer terminal pudesse participar
Divulgação/St Michael's Hospice
A noiva Kerry Webb precisou se casar às pressas no hospital para que a mãe com câncer terminal pudesse participar

Por conta da doença da mãe, a noiva resolveu antecipar a data e, com a ajuda da equipe do St Michael's Hospice, em Hereford, na Inglaterra, conseguiu oficializar a relação com o marido Dean Badhams-Williams, de 29 anos, no próprio hospital em um momento para lá de emocionante no início deste mês.

Kerry foi acompanhada até o altar por seu avô, Gordon Thomas. Os cinco filhos da noiva - Shania, de 15 anos, Kenz, de 12, Levi e Daisy, ambos de três, e Rico, de um - também estavam presentes.

Leia também: Noiva dança com o pai que tem doença terminal e emociona convidados

“Eu só não queria me casar sem minha mãe estar lá. Queria que ela me visse no meu vestido de noiva. O hospital  foi incrível em tornar tudo possível. A partir do momento em que mencionei o que gostaria de fazer, eles foram ótimos e até mesmo conseguiram um catering e um fotógrafo. Tudo aconteceu tão depressa, mas significou muito para nós”, diz Kerry ao  Daily Mail .

Imagens emocionantes mostram detalhes do casamento da noiva

Imagens divulgadas pelo hospital mostram os convidados e a mãe da noiva participando do casamento
Divulgação/St Michael's Hospice
Imagens divulgadas pelo hospital mostram os convidados e a mãe da noiva participando do casamento

Os preparativos para o casamento tiveram que acontecer de forma tão rápida que Kerry não conseguiu nem escolher seu próprio vestido e, em vez disso, usou um modelo tomara que caia que havia sido doado.

O casal era noivo desde o ano passado e trocou as alianças em uma simbólica benção conduzida pelo capelão do local. Por fim, ela e o marido dançaram ao som de "Adorn", do cantor Miguel, antes dos convidados desfrutarem de um café da manhã servido especialmente para eles.

Leia também: Noiva surpreende pai em hospital para dançar com ele no dia do casamento 

Veja mais fotos da cerimônia no hospital:

Kerry ainda voltará ao posto de noiva mais uma vez, já que os pombinhos vão se casar no civil em breve.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.