Antonio Miró morreu por consequências de um infarto
Reprodução
Antonio Miró morreu por consequências de um infarto

Antonio Miró, estilista catalão referência na Espanha, morreu aos 74 anos. O artista sofreu um infarto recentemente e desde então, estava em coma induzido. Miró esteve presente nas passarelas de todo o mundo por diversas décadas, até decidir se afastar para investir no design de interiores.


Na espanha, o estilista foi homenageado por diversas personalidades locais. "Que a terra lhe seja leve", disse Mique Iceta, ministro da Cultura espanhol. Pere Aragonès, presidente do governo regional catalão, também lamentou a morte. "Triste com a morte de Toni Miró, uma das grandes referências de moda catalã". 


Miró nasceu em 1947, filho de um alfaiate. Aos 20 anos, abriu sua primeira loja em Barcelona e em 1986, criou a marca que leva seu nome. Teve destaque em desfiles em Paris, Nova York, Milão e Tóquio. Em 1992, foi responsável pelos figurinos de todas as cerimônias dos Jogos Olímpicos de Barcelona. 


Ao receber o prêmio de melhor estilista espanhol, em 1988, Miró disse: "A moda não faz sentido se você não aprecia poesia, música e tudo o que pode ser desenvolvido em torno da arte e principalmente do artesanato. O princípio poético é a base de todas as artes". 


** Formada na Universidade Metodista de São Paulo, Gabriela Ferreira trabalha no Portal iG desde 2020. Cobre as editorias de Soft News, com enfoque em iG Delas e Receitas. É aspirante a dançarina, ama moda e apaixonada por aventuras.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários