O estilista foi mentor de Giorgio Armani
Reprodução
O estilista foi mentor de Giorgio Armani

Nino Cerruti, estilista italiano e fundador da grife Cerruti, morreu neste sábado (15), aos 91 anos. O empresário nasceu na cidade de Biella e sua família era dona da Lanificio Fratelli Cerruti, uma fábrica têxtil fundada em 1881. Cerruti, conhecido pela gentileza e elegância, investiu no mundo da moda após diversas experiências na empresa da família. Ele fundou a grife "Cerruti" no final da década de 1950.


"Hitman", primeira coleção do estilista, foi apresentada em 1957 e considerada revolucionária na moda masculina da época. Cerruti foi o primeiro estilista a criar jaquetas descontruídas para homens. A primeira boutique da marca foi inaugurada em 1967 em Paris, onde o empresário mudou a sede da empresa, visando estar mais próximo da capital internacional da moda. 


A grife do estilista também teve diversas coleções femininas e depois, o negócio se expandiu também para fragrâncias e acessórios. O estilista também foi mestre de Giorgio Armani, que trabalhou com Cerruti de 1964 a 1970. 


"É com grande tristeza que tomo conhecimento da morte de Nino Cerruti. Embora ao longo dos anos tenhamos nos visto menos, sempre o considerei uma das pessoas que tiveram uma influência real e positiva na minha vida. Com ele aprendi não só o gosto pela suavidade da alfaiataria, mas também a importância de uma visão abrangente como estilista e empresário", comentou Armani. 


A última coleção do estilista para sua marca Cerruti foi a da primevera de 2002. Em outubro de 2000, o empresário vendeu 51% da marca para a Fin.Part, que compraria o resto da empresa um ano depois.


    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários