Bijuterias coloridas: aposte na tendência para arrasar na Primavera
Fotos Anacá da fotógrafa Anna Ramos
Bijuterias coloridas: aposte na tendência para arrasar na Primavera




O uso de acessórios coloridos, como bijuterias e miçangas, foi febre no início dos anos 2000. A tendência retornou em 2021, com várias celebridades e influenciadores aderindo à moda. Colares, brincos, pulseiras, anéis e até correntes para celular entraram no gosto das pessoas, desse modo, com a chegada da Primavera, a consultora de moda e estilo Karine Rodrigues dá algumas dicas de como combinar esses itens aos looks. 

Segundo Karine, no momento de retomada após a pandemia, houve um crescimento de algumas nostalgias de tendências. De uma maneira mais divertida e descontraída, a moda presenciou uma releitura de ondas que fizeram muito sucesso no passado. “Leves e coloridas, as miçangas ganharam destaques quando falamos de acessórios, um grande hit dos anos 90”, diz.


De acordo com a consultora de moda, as miçangas coloridas ganham destaques, mas o que está em voga nesta temporada é fazer uma mistura de acessórios. “Um mix de acessórios de miçangas, por exemplo, é mais minimalista. Porém, um mix de colares, pulseiras, brincos e anéis ganham volume e prometem deixar o look cool e moderno. Peças mais básicas e coloridas ou até miçangas mais divertidas como carinhas, animais, flores, também são interessantes", explica.

Você viu?

Para combinar os acessórios com as peças que já temos em casa, Karine destaca que vale a pena investir nas peças que tenham relação com o próprio estilo pessoal. “A imagem de moda está muito mais leve e divertida, ainda mais depois desse tempo em casa, aqui vale realmente fazer um mix e brincar com diferentes tipos de acessórios”, completa.

“Tudo bem misturar uma miçanga com alguma peça de correntaria ou até mesmo mais refinadas, como pérolas. Vale escolher uma peça de miçanga e fazer algum mix com outros acessórios preferidos, essa mistura ganha volume e destaque no look o que é supertendência na temporada. Aliás, escolher peças de miçanga colorida e combinar com peças mais clássicas (dourada e prateada) deixa a composição mais refinada”, ressalta.

Em ambientes mais sérios, como no escritório, a especialista destaca que também é possível fazer composições. “Quando pensamos em miçangas, pensamos em algo mais descontraído, dia a dia ou até mesmo praia. No entanto, se você fizer um mix com acessórios mais delicados ou básicos (prata e dourada) a composição já ganha uma versão mais refinada e quebra esse toque mais rústico e descontraído da miçanga em si”, explica.

“Eu só não indicaria mesmo em ocasiões muito formais que pedem um dresscode mais específico, mas sair à noite para bares e restaurantes, por exemplo, um mix de miçangas com peças douradas e prateadas é bem-vindo”, comenta.

Bijuterias coloridas: aposte na tendência para arrasar na primavera
STAEDTLER Brasil
Bijuterias coloridas: aposte na tendência para arrasar na primavera


A pandemia também motivou as pessoas a ocupar a cabeça no período de confinamento e a fabricação dos próprios acessórios é uma delas. De acordo com Juliana Rett, gerente de marketing da Staedtler Brasil, a principal vantagem em se fabricar as próprias bijuterias é a capacidade de personalizá-las de acordo com o próprio gosto.

“Além disso, o custo dos materiais pode ser inferior do que comprar peças prontas e ainda ter uma peça exclusiva”, diz. Existem diversos materiais disponíveis no mercado para fabricar bijuterias. As próprias miçangas, que podem ser adquiridas no atacado e a argila polimérica, um material versátil que pode ser utilizado de diferentes formas. 

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários