Tamanho do texto

"Fiquei seriamente chocada, surpresa e muito emotiva. Eu me desfiz em lágrimas histéricas", conta Lauren Faulkner, que, sem saber que estava grávida, fez uma viagem com as amigas e ingeriu muitas bebidas alcoólicas

Após voltar de uma viagem animada com as amigas nas Ilhas Baleares, na Espanha, Lauren Faulkner, de 22 anos, descobriu que estava esperando um filho . Claramente, ficou chocada. A jovem, que não teve sinais de gravidez, não fazia ideia de que estava com 39 semanas de gestação e que provavelmente daria à luz na semana seguinte.

Lauren não teve sinais de gravidez e após voltar de uma viagem com as amigas descobriu que estava de 39 semanas
Reprodução/Facebook
Lauren não teve sinais de gravidez e após voltar de uma viagem com as amigas descobriu que estava de 39 semanas


Durante a viagem, Lauren aproveitou e ingeriu muita bebida alcoólica sem saber que carregava um bebê em seu ventre, algo que poderia gerar grandes problemas. A viagem aconteceu em um feriado, e todas as noites ela consumia diversos tipos de bebidas com as amigas. “Obviamente, durante a gestação, como eu não tinha sinais de gravidez e eu não sabia que esperava um filho, fiquei bebendo o tempo todo”, conta a mãe.

Os sinais de gravidez apareceram só no final 

Pouco depois de curtir esses dias de folga na Espanha, Lauren começou a sentir dores agudas nas costas e também um grave refluxo ácido. Esses sintomas fizeram com que a jovem desconfiasse de uma gravidez, e ela resolveu fazer um teste – que deu positivo. Ela entrou em contato com uma clínica para fazer uma ultrassonografia e, no exame, ouviu o seguinte: “Eu tenho algo para te dizer, pensei que te diria que está com 20 semanas ou algo do tipo, mas não, você está com 39 semanas e dois dias”.

“Fiquei seriamente chocada, surpresa e muito emotiva. Eu me desfiz em lágrimas histéricas”, lembra a jovem que, uma semana depois, deu à luz um menino saudável que recebeu o nome de Freddie. 

Leia também: Cólica na gravidez? Saiba o que pode causar esse incômodo e como evitá-lo

Em dezembro de 2017, a mãe chegou a sentir queimação devido a um refluxo, mas um médico apenas prescreveu um medicamento para o estômago. Lauren lembra que os médicos pensaram que ela poderia ter uma úlcera, mas não cogitaram fazer um teste de gravidez .

Como teve sangramentos, Lauren achou que continuava menstruando, ela também não teve enjoo e nem uma grande alteração no peso, e tudo isso contribuiu para ela não desconfiar de nada. "Eu sempre fui uma pessoa grande. Nesse período, nunca tive que trocar nenhuma roupa ou comprar roupas de maternidade – eu estava usando o mesmo tamanho de jeans que sempre usei”, conta. 

Leia também: "Escondi a gravidez, fui ao banheiro de casa e fiz meu parto sozinha"

A criança está saudável e tem o apoio da família

A jovem mantém um relacionamento sério com Callum Venn, de 22 anos, há três anos, e eles e não queriam ter filhos até os 30 anos, mas agora já estão acostumados com essa nova realidade. “Eu amo isso e não mudaria nada”, garante Lauren, que está recebendo apoio tanto da família quanto do parceiro. E mesmo sem dar sinais de gravidez para a mãe, o pequeno Freddie está bem de saúde e segue saudável.

    Leia tudo sobre: gravidez
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.