Tamanho do texto

Depois de a mulher receber a confirmação de uma gravidez, logo vem a preocupação com investimentos que valem a pena, para o bebê e para ela

Você abriu o resultado do exame e estava lá: positivo, você está grávida. Se esse era seu desejo, com certeza, a felicidade chega em segundos. Passados os períodos de celebração, logo vem a preocupação sobre no que vale a pena investir nessa fase da gestação, seja para o bebê ou para você mesma, a mamãe. Seu filho vai precisar de roupinhas, brinquedos, acessórios e muita coisa, mas seu corpo também vai mudar e você ter de usar algumas roupas para grávida. 

Leia também: Organização e crianças: como envolver os pequenos no processo?

E não é porque seu corpo vai ganhar novas formas que você não será estilosa. Também não precisa gastar muito para conseguir exibir o barrigão em um ótimo look. O Delas deu uma olhadinha em diversas inspirações do  Pinterest e separou seis peças que te ajudar durante a gravidez. São roupas para grávida  que combinam conforto e  estilo  e estão super em alta nos dias de hoje – e o melhor, ainda dá para continuar usando algumas delas mesmo após o parto. Confira:

1. Vestidos curtos

Vestidos curtos são peças super confortáveis para usar durante o calor, que, aqui no Brasil, está aparecendo até no inverno
Pinterest/ Reprodução
Vestidos curtos são peças super confortáveis para usar durante o calor, que, aqui no Brasil, está aparecendo até no inverno

A versatilidade do vestido curto é o que faz com que ele seja ótimo para as mamães, ainda mais nos dias quentes de verão que estão por vir. Essas peças únicas podem ser mais laguinhas, mais justas, podem marcar a barriga ou não. Quando ele é mais reto – como a foto da esquerda –, sem marcar tanto o redondinho da barriga abaixo dos seios, o comprimento faz com que ele não fique tão desforme visualmente. Caso você não goste de um modelo tão reto, pode apostar em uma jaqueta ou cardigan por cima, que combina demais. Dá para investir também no modelo da foto do meio, que está super em alta.

2. Vestidos longos

Vestidos longos podem ser usados até com estampas, sem problema algum, basta ficar de olho no corte do modelo
Pinterest/ Reprodução
Vestidos longos podem ser usados até com estampas, sem problema algum, basta ficar de olho no corte do modelo

Perfeitos para eventos mais formais ou ocasiões em que você precisa estar mais arrumada. Tem para todos os gostos, desde aqueles mais larguinhos até os mais juntinhos. Uma dica é sempre prestar atenção ao desenho da barriga. Se a voltinha de cima está bem marcada, bem abaixo dos seios, então perfeito. Outra dica é testar os modelos com cortes diferentes, principalmente quando o tecido é estampado – como a foto do meio –, um bom corte está super em alta e não vai deixar o look pesado.

Leia também: Mãe que usou sexo para induzir o parto conta como foi a experiência

3. Jeans larguinho

Além da jeans larguinha, o tênis pode ser uma ótima opção para as mamães, já que eles machucam menos os pés
Jeans - grávidas
Além da jeans larguinha, o tênis pode ser uma ótima opção para as mamães, já que eles machucam menos os pés

Foi se o tempo em que as skinnies eram as únicas calças encontradas nas lojas. Hoje, os modelos estão mais diversificados, e as peças mais larguinhas voltaram a ser comercializadas. Elas são mais confortáveis que os modelos mais justos e estão super em alta. Além, se torna uma ideia da lista de roupas para grávida bastante versátil: dá para usar com regata, blusa mais larga, cardigan, camiseta e assim vai.

Outro produto que vale a pena investir é um tênis confortável, se você ainda não tiver um. Ele super completa o look e não vai machucar o pé. Outros calçados importantes para essa fase também são os mais baixinhos, principalmente se você já não tem o costume de usar salto alto, e os mais larguinhos, já que os pés podem ficar inchados em alguns dias.

4. Calça legging

Calça legging é super versátil e se adapta muito bem ao corpo da mulher gestante, que vai sofrer uma grande transformação
Pinterest/ Reprodução
Calça legging é super versátil e se adapta muito bem ao corpo da mulher gestante, que vai sofrer uma grande transformação

Confortáveis e versáteis, as calças legging são uma ótima alternativa para as futuras mamães. O melhor dessas peças mais justinhas e, ao mesmo tempo, confortáveis, é que elas se adaptam melhor ao formato do corpo do que as peças mais duras, como as calças jeans. Além disso, dá para fazer inúmeras combinações: desde um look mais despojado até um mais formal, dependendo das combinações.

Leia também: Mãe conta com participação de filha de três anos em parto humanizado

5. Cardigan

Cardigan é uma peça super legal para as mamães investirem porque, além de estar em alta, dá para ser usada após o parto
Pinterest/ Reprodução
Cardigan é uma peça super legal para as mamães investirem porque, além de estar em alta, dá para ser usada após o parto

Essa é utra peça que deve estar presente não só no guarda-roupa das gestantes, mas de qualquer mulher pela versatilidade. No caso das grávidas, é uma boa escolha porque vai conseguir fazer as vezes dos casacos sem apertar a região da barriga ou ficar muito apertado. O corte diferenciado também ajuda a dar mais fluidez e leveza ao look.

6. Blazer

Blazer é uma peça que pode dar mais seriedade a looks formados por peças mais básicas, como um jeans e uma camiseta
Pinterest/ Reprodução
Blazer é uma peça que pode dar mais seriedade a looks formados por peças mais básicas, como um jeans e uma camiseta

Mais uma peça que já pode estar até em seu guarda-roupa, mas você nunca pensa nela na hora de montar um look. O legal do blazer é que ele pode dar mais seriedade a looks formados com peças básicas, como camisetas ou blusinhas mais leves, que são ótimas na fase do barrigão. É também um modelo de roupa que se você precisar comprar agora vai ainda conseguir usar depois do parto do bebê.

E depois do parto?

O melhor de tudo é que algumas peças que citamos acima podem ser mantidas pela mamãe mesmo depois do nascimento do bebê. Sabendo escolher o modelo certo, não é preciso se manter apenas nas araras de gestante das lojas de departamento. Hoje, com a variação dos cortes e modelos, é possível encontrar roupas que vão servir até depois do parto.

Leia também: Mulher tira filha de 10 anos da escola para ensiná-la a ser mãe e dona de casa

E claro, não é preciso comprar um guarda-roupa novo, apenas com roupas para grávida, só porque você está gestante, ainda mais porque você terá uma criança para criar nos próximos anos e precisará reservar um dinheiro para isso. Além disso, hoje já existem grupos no Facebook em que mães compartilham roupas que não usam mais ou as vendem por um preço mais barato. Esta é outra dica para se manter estilosa durante a gravidez, mas sem entrar em uma roubada ou exagerar nos gastos.

    Leia tudo sobre: Gravidez
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.