Tamanho do texto

A cantora fez um desabafo nas redes sociais e falou sobre como está sentindo o próprio corpo após o nascimento do filho; confira a publicação completa

Recentemente, a cantora Pink deu à luz Jameson Moon, seu segundo filho. A diva norte-americana tem aproveitado o espaço das redes sociais para mostrar as situações do dia a dia após o parto e abrir o jogo sobre o momento pelo qual está passando. 

Leia também: Entenda como acontece, os sintomas e características da gravidez

Dois meses após dar à luz,  Pink faz publicação no Instagram com desabafo sobre os padrões de beleza impostos às mulheres
Reprodução/Instagram/Pink
Dois meses após dar à luz, Pink faz publicação no Instagram com desabafo sobre os padrões de beleza impostos às mulheres

Assim como ocorre com todas as mulheres, Pink ganhou alguns quilos durante a gravidez e passou por uma série de mudanças físicas para que a criança pudesse se desenvolver de forma saudável. Em uma de suas últimas publicações, a cantora dividiu com os seguidores o sentimento de lidar com o ganho de peso e desabafou sobre os padrões de beleza que a sociedade impõe às mulheres até no período pós-parto.

Na foto publicada, a cantora aparece na academia e, na legenda, ela afirma ter 1,60 m de altura e pesar 72 quilos. Ela escreve que, segundo os padrões de beleza, esses valores indicam que ela está obesa. "Sei que não estou no meu peso e nem perto de chegar a ele depois de ter meu segundo bebê, mas eu não sou obesa. A única coisa que eu me sinto sou eu mesma. Fiquem longe dos padrões, meninas!", rebateu.

Leia também: Pés podem crescer e não voltar ao tamanho normal após a gestação, segundo estudo

Mamães empoderadas também no Brasil

A cantora Pitty também aproveitou as redes sociais para compartilhar os momentos da gravidez com os seguidores e criticar os padrões impostos às mulheres. Ela deu à luz há cerca de oito meses e, durante esse período, fez uma reflexão sobre as mudanças que acontecem no corpo da mulher durante e após a gestação. 

"Esse corpo que gerou, que pariu, que passou por uma revolução e que agora dá sinais de querer se acomodar novamente. esse corpo que não é mais o de antes, e nem tinha como ser; há que se re-conhecer nesse novo corpo. nem melhor, nem pior - diferente", escreveu a cantora. 

Veja a publicação completa:

Leia também: Reclamação de coceira nas redes sociais ajuda grávida a salvar vida de bebê 

Assim como os fãs de Pink, os internautas que acompanham o trabalho de Pitty fizeram uma série de comentários apoiando a cantora e várias mulheres se identificaram com a situação relatada.

    Leia tudo sobre: gravidez
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.