Eclipse lunar e super lua de sangue
Foto de Alex Andrews no Pexels
Eclipse lunar e super lua de sangue


Hoje (26) começamos o dia com o primeiro eclipse lunar de 2021, marcado por uma super lua de sangue . Ao longo do ano, teremos mais três eclipses. Segundo a astrologia, o fenômeno natural marca começos de ciclos - o que indica que chegou o momento de deixar algumas coisas para trás.

O eclipse lunar, a parte total  - quando a Terra passa entre a Lua e o Sol -será visível somente na costa oeste da América do Norte e em alguns pontos da América do Sul. No Brasil, ele não será visível na forma total, apenas parcial ou penumbral (será somente uma sombra) e apenas em algumas cidades, como São Paulo, Rio de Janeiro, Manaus, Belém, Curitiba e Porto Alegre.

Como ele vai acontecer na parte da manhã, iniciando às 6h45 do horário de Brasília, quanto mais a oeste você morar, melhor. O ápice do eclipse será por volta das 8h11, mas talvez o sol atrapalhe a visibilidade. Estados como Acre, Roraima, Mato Grosso, Mato Grosso do Sul e o Sul do país podem conseguir ver os vestígios do fenômeno.

Já o fenômeno da Lua de Sangue significa que a luz do sol não vai refletir diretamente sobre a Lua, pois será filtrada pela Terra (caracterizando o eclipse), fazendo com que o satélite natural terrestre ganhe tons avermelhados e laranja. 




Eclipse lunar em sagitário

Para os adeptos da astrologia, tanto a Super Lua de Sangue, quanto o eclipse lunar representam novas movimentações de energias que podem causar impactos do cotidiano das pessoas. 

"A Lua Cheia é a fase em que as coisas por si só são mais intensas. Então, quando falamos de um eclipse na Lua Cheia, o que já era intenso explode. É a sensação de que tudo está acontecendo de uma vez só", explica a astróloga Lívia Albuquerque. Ela ressalta que por mais que a Lua Cheia nos traga essa sensação de iluminar as coisas, no caso de um eclipse lunar isso não é completamente verdadeiro, justamente pela sombra que a Terra faz.

Assim, quando a pessoa busca entender o que está acontecendo, pode chegar em conclusões que não estava esperando, em um momento que suas emoções não estão muito equilibradas. "Sagitário é um signo que fala muito sobre algo maior do que nós, um propósito de vida. No momento que estamos vivendo, a maioria das pessoas quer sentir que tem um rumo, conseguir pensar em um futuro", pontua Livia.

“Sempre que há uma interação entre Sol e Lua no céu - oposição na Lua Cheia e conjunção na Lua Nova - próximo aos nodos lunares (nodo norte e nodo sul) temos os eclipses solares (Lua Nova) e lunares (Lua Cheia). Esse fenômeno é considerado na visão da astrologia tradicional como um evento maléfico, que reverbera muito mais ao nível coletivo do que ao nível individual”, diz a astróloga Camila Gomes.

Camila explica que existe uma espécie de equilíbrio no caso deste eclipse, pois ele ocorre em Sagitário , signo regido pelo planeta Júpiter. Assim, apesar de inaugurar um período de turbulências, os eventos trarão mais efeitos positivos que negativos. "Como nós estamos em um momento de pandemia, é natural que a gente queira fugir de tudo isso. Mas não é focando exclusivamente nas coisas ruins que vamos conseguir", complementa Livia.

Você viu?

Isso significa que podemos esperar uma volta às atividades de forma bem arrastada, além de surpresas em questões que envolvem a Justiça no Brasil. “É preciso lembrar que a astrologia é um estudo rico que pode nos indicar caminhos, mas nem sempre todo e qualquer movimento do céu tem a ver com nossos umbigos”, reflete.

Rituais para o eclipse

A cartomante e terapeuta holística Carolina D’Ambrósio fala que uma coisa simples e cuidadosa a ser feita nesse momento é tomar um banho de ervas , feito com manjericão, alecrim, erva-doce e camomila. Estas ervas limpam o campo energético e trazem proteção e harmonização dos ânimos. Antes de tomar o banho, ela orienta deixar a bacia com as ervas um pouco sob a luz da Lua para receberem as energias do eclipse.

Quem quiser um ritual, você vai precisar de uma vela branca, um pedaço de papel e um copo de água. “Acender a vela colocando sua intenção nela. Depois, escreva no papel os seus pedidos e coisas que você quer que melhorem na sua vida. O copo de água vai servir como um filtro de energias ruins, então depois que a vela terminar de queimar, jogue a água fora. O que sobrar do papel e da vela, pode descartar em um vaso com terra”.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários