Isabel Garcia fala sobre beleza, feminismo e carreira
Reprodução/Instagram - 19/03/2022
Isabel Garcia fala sobre beleza, feminismo e carreira

A atriz Isabela Garcia, de 54 anos, começou a carreira na TV aos 4, diante dos olhos de todos. Cresceu, virou adolescente, adulta, teve quatro filhos e dois netos. Trabalhou incansavelmente durante 46 anos na televisão. "Sempre pensei no trabalho e na vida como uma coisa junta, tudo meu foi dentro da TV, tudo faz parte de quem me tornei", diz ela em entrevista pelo telefone, com a mesma voz doce que conquistou o Brasil.

"Num determinado momento, senti vontade de experimentar outras coisas na vida". Hoje, dá prosseguimento a esse desejo que começou antes da pandemia. "Estou desenvolvendo um projeto que aborda ética e criação de valor no local de trabalho", diz.

Numa conversa franca, Isabela também fala sobre passagem do tempo, feminismo e maternidade.

Prole

"Tenho quatro filhos e dois netos, Luisa, de 10 anos, e Izzy, de 4. É muito legal, claro que, às vezes, fico muito preocupada. Mas só tenho a agradecer. Como é todo mundo muito aqui, é como se nunca tivesse parado de ter criança em casa, o que eu acho ótimo. Foi tudo meio junto, o nascimento dos meus filhos gêmeos, hoje com 16 anos, e o da Luisa".

Leia Também

Feminismo

"Não tenho como não ser feminista, todo mundo tem de ser, homens e mulheres. Minha função é criar meninos com cabeça feminista."

Passagem do tempo

"Sempre tive muita vontade de ter cabelo grisalho, ficava esperando acontecer. Mas aí vinha um papel em uma novela e eu tinha que pintar os fios. Há cerca de 8 anos, quis fazer uma peça sobre duas velhas, ainda tenho esse projeto, de fazer uma série. Falo velha numa boa, acho velha legal. Claro que desejo ter uma saúde boa, mas a passagem do tempo não me incomodou até agora. Nunca fiz nenhum procedimento estético no meu rosto, mas também não condeno quem faça. Minha mãe vive me dizendo: 'Passa um batonzinho, minha filha, pinta o cabelo'. Estou relax. Cada um tem de desobrir o seu jeito, quero que todo o mundo fique feliz."

Engajada

"Quando era mais nova, não percebia determinados episódios de preconceito ou de abuso. Porém, quando percebi, passei a me posicionar. A gente precisa estar atento às situações para sermos um ponto de divergência aos preconceitos, para inibi-los."

Casamento

"No momento, estou solteira. Não estou namorando. Desde o término do meu último casamento, não encontrei ninguém. Estou bem comigo mesma."

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários