O aplicativo é simples de acessar
Freepik/reprodução
O aplicativo é simples de acessar


A parceira entre o projeto Justiceiras e a empresa de transporte 99 visa auxiliar vítimas de violência doméstica em todo o Brasil. A nova ferramenta é simples: você clica em Central de Segurança, preenche um formulário e o relato é direcionado à equipe das Justiceiras. A expectativa é de atender 300 mil mulheres. 


A diretora de operação e produtos da 99 e líder do 99 Mulheres, Lívia Pozzi, disse que a iniciativa surgiu após um projeto que ofereceu 20 mil vouchers de corrida para quem iria denunciar violência doméstica em uma delegacia. 

"Aliando os números e em conversas com as integrantes do 99Mulheres, tomamos a iniciativa de conectar mais uma ponta deste processo, que é a de prestar auxílio com apoio especializado para que seja possível superar o ciclo de violência", explica em entrevista ao Universa. 

A idealizadora do projeto Justiceiras, a promotora de Justiça Gabriela Manssur, avalia a ação como "admirável" e afirma que irá impactar toda a sociedade. "Mulheres mais informadas são mulheres mais protegidas", diz.

    Leia tudo sobre: aplicativo

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários