Tamanho do texto

Especialistas explicam quais as opções disponíveis e as diferenças entre os materiais; confira e saiba qual a banheira é a mais adequada para você

Sinônimo de relaxamento e bem-estar, a banheira é o sonho de consumo de muita gente por aí. Entretanto, para que esse desejo se torne realidade , há alguns pontos importantes a serem verificados, como analisar a possibilidade de instalação e qual o modelo ideal para o formato e tamanho de cada banheiro. 

Ter uma banheira em casa é o desejo de muitas pessoas, mas é preciso prestar atenção em alguns pontos antes de instalá-la
shutterstock
Ter uma banheira em casa é o desejo de muitas pessoas, mas é preciso prestar atenção em alguns pontos antes de instalá-la

A arquiteta Fernanda Andrade explica que, mesmo em casas que não tenham a banheira em seu projeto original, é possível inseri-la no ambiente, mas com alguns cuidados. Isso porque, além da preocupação com as dimensões, o item requer atenção nas partes hidráulica e elétrica, principalmente para evitar vazamentos.

Além disso, é fundamental fazer uma boa vedação para evitar problemas futuros. “Ficar atento ao peso também é crucial, pois, em alguns casos, é necessária autorização do condomínio, caso a pessoa more em prédio, para instalá-la após avaliação do projeto estrutural do edifício”, continua. 

Qual banheira escolher: de imersão ou de hidromassagem? 

A banheira pode ser tanto de imersão quanto de hidromassagem; saiba quais são as características de cada uma delas
shutterstock
A banheira pode ser tanto de imersão quanto de hidromassagem; saiba quais são as características de cada uma delas

Na hora de escolher o tipo de banheira, a arquiteta Estela Netto explica que isso vai depender do estilo de cada cliente. Segundo ela, não há uma melhor que a outra e, por isso, a escolha  vai varir de acordo com o perfil de cada um. 

“A banheira de imersão não tem motor e a massagem através de jatos tradicionais. Esse modelo tem grande apelo estético, em sua maioria. Já as de hidromassagem são muito confortáveis e possuem diversos recursos disponíveis”, expõe.

Fernanda detalha que demanda pela de imersão é maior por ser mais simples de instalar, uma vez que não precisa de estruturas metálicas e de alvenaria para isso. “Ela é apoiada no piso e, portanto, não precisa de ponto de esgoto ou de água para ser instalada. Hoje em dia, ela tem sido muito usada por apresentar um design diferenciado e deixar o ambiente mais charmoso”, detalha.

De acordo com a profissional, as banheiras de linhas retas e formas limpas são mais indicadas para decoração no estilo moderno. Já as de linhas curvas e desenhos vitorianos (com referência no início do século XIX), por sua vez, proporcionam requinte ao ambiente.

Qual o melhor material?

Entre as opções de materiais para a banheira, especialista explica a diferença entre elas e fala qual a melhor
shutterstock
Entre as opções de materiais para a banheira, especialista explica a diferença entre elas e fala qual a melhor

Em se tratando de modelos e materiais, o que não faltam são opções no mercado. Atualmente, as banheiras são feitas de quatro elementos. Entenda cada um deles:

  • Acrílico

Por oferecer vários opções de formatos e modelos, é muito recomendados pelos profissionais da área, além de trazer um ótimo acabamento. Entre os benefícios, destaca-se por manter a temperatura da água por mais tempo, ser um material com mais brilho, resistentes a produtos químicos e, ainda, ser fácil de limpar.

  • Gel coat

É um tipo de resina ou gel de revestimento que, ao endurecer, fica com aspecto de louça sanitária. A boa notícia é que esse esse modelo é leve e resistente. Por outro lado, possui menos brilho que o acrílico, mas permite reparos em trincas e furos, além de ser mais barato e poder ser fabricado em várias cores.  

  • Quarrycast

É a mistura de rocha vulcânica bem moída com resina. Quando é de cor branca, a original, não amarela e nem perde brilho, mas pode ser encontrada em outras tonalidades. Além disso, mantém o calor da água por mais tempo. Este material é uma inovação no setor e usado em banheiras do tipo imersão.

  • Madeira

Os ofurôs são aqueles modelos inspirados em banhos da cultura japonesa, nos quais o corpo fica imerso em água quente até os ombros. O cedro é uma boa opção de material, pois apresenta grande resistência.

Fernanda esclarece que, entre todas as opções listadas acima, a mais recomendada é o acrílico , por ser moderno. Ele pode ser usado tanto na banheira de imersão quanto na de hidromassagem , além de ter alta qualidade e brilho superior ao gel coat. Veja alguns modelos na galeria abaixo e inspire-se:



    Leia tudo sobre: casa