Tamanho do texto

O especialista fala como limpar de forma mais fácil sem perder qualidade e explica como é possível manter sala, quarto e banheiro mais tempo limpos

Com a correria do dia a dia, as pessoas estão cada vez mais procurando formas de tornar mais prática a chatinha tarefa de limpar a casa . Entretanto não adianta ter praticidade e diminuir a qualidade, por isso, é preciso aliar as duas coisas, e escolher bem os produtos para limpar a casa pode ajudar.

O Dr. Bactéria diz que escolher bem os produtos para limpar a casa ajuda a tornar tudo mais pático se sem sujeira
shutterstock
O Dr. Bactéria diz que escolher bem os produtos para limpar a casa ajuda a tornar tudo mais pático se sem sujeira


Roberto Figueiredo, conhecido como Dr. Bactéria, embaixador da EsfreBom, marca da Bettanin, fala que os produtos certos podem fazer toda a diferença na hora da faxina . Como exemplo, ele cita alguns produtos para limpar a casa que são indicados para otimizar o tempo de limpeza sem deixar de lado a qualidade do serviço. Veja:

Produtos para limpar a casa que deixam a faxina mais prática

Entre as indicações de produtos para limpar a casa estão os wipes e as esponjas e panos que contêm íons de prata
shutterstock
Entre as indicações de produtos para limpar a casa estão os wipes e as esponjas e panos que contêm íons de prata

A primeira indicação de produtos para limpar a casa são as esponjas de lavar a louça que contenham íons de prata em sua composição. Segundo o especialista, além de impedir a contaminação cruzada por conta da eliminação das bactérias pela função da prata, não é preciso fazer todo o trabalho de higienização e desinfecção diária desse tipo de esponja. 

Outra indicação do especialista é usar panos que contenham íons de prata. Também não é preciso desinfetar os panos antes de colocá-los na máquina para levar já que não oferecem risco de contaminação da máquina e de outros itens.

Também tem novidade na sessão de produtos para limpar a casa. “Os wipes, produto novo no mercado, também é uma inovação que vai facilitar muito a vida doméstica, pois são panos umedecidos que unem a eficiência do líquido e a praticidade do pano em um só produto. É só passar e pronto! Não precisa de itens complementares.”

Para deixar tudo brilhando e sem fungos e bactérias, o especialista ainda dá dicas de limpeza para os principais cômodos da casa. Confira:

Como limpar - e manter limpa mais mais tempo - a sala de estar

Na sala de estar, é importante usar os produtos para limpar a casa adequados e também evitar cortinas e tapetes
shutterstock
Na sala de estar, é importante usar os produtos para limpar a casa adequados e também evitar cortinas e tapetes


Primeiro é preciso analisar as condições do local, alguns sujam mais, por exemplo, por conta da região ou por terem animais de estimação. De modo geral, o Dr. Bactéria indica impermeabilizar os sofás, evitar a presença de tapetes, carpetes e cortinas mais rebuscadas.

“Tudo isso diminui muito a quantidade de poeira. A poeira desses locais são formadas em mais de 80% por restos de pele humana que, aliada a umidade, serve como alimentação para ácaros. E o grande problema são as fezes dos ácaros, porque aumentam as chances de provocar asmas, rinites e todas essas reações alérgicas”, alerta.

O uso de aspiradores também é algo fundamental, e eles precisam ter elementos filtrantes dentro deles (EPA), pois isso significa que o equipamento tem a capacidade de segurar substâncias até pelo menos 0,3 micras, que é justamente o tamanho das fezes dos ácaros.

Para saber se um aspirador possui filtro EPA, basta olhar na embalagem ou manual do produto. Os demais tipos de aspiradores costumam jogar as substâncias para o ar e apenas aumentam a possibilidade de rinites e asmas.

Como limpar - e manter limpos - os quartos

Além de pensar nos produtos para limpar a casa, é importante não acumular objetos que podem acumular poeira
shutterstock
Além de pensar nos produtos para limpar a casa, é importante não acumular objetos que podem acumular poeira


As mesmas dicas dadas para a sala de estar podem ser aplicadas aos quartos. Segundo o especialista, nesse cômodo também podem ser evitadas a presença de muitos bichos de pelúcias. “Isso vale também para livros velhos, revistas antigas, fitas, material de escritórios e outros materiais que não serão utilizados depois, pois qualquer material extra causa ainda mais poeira.”

É importante também não pensar apenas na limpeza diária, mas também em como em manter o ambiente limpo de uma forma geral. Ou seja, cobertores, edredons e roupas de inverno – que são itens que não são usados frequentemente – devem ser lavados e guardados, depois de estarem bem secos, em sacos de TNT ou outros materiais que impeçam a umidade.

“Travesseiros e colchões devem ser colocados em sacos protetores de algodão por fora e impermeáveis por dentro e fechados com zíper. Evite colocar esses objetos expostos ao sol, pois irá ressecar a parte externa e a interna servirá de um verdadeiro banquete para ácaros.”

O Dr. Bactéria ressalta que é importante respeitar o prazo de vida dos objetos que ficam nesse ambiente. Os travesseiros devem ser trocados a cada dois anos, pois após esse período seu peso passa a ser composto por 1/3 de ácaros vivos, mortos e fezes de ácaros. Já os colchões de espuma precisam ser trocados a cada dois anos, mas for de mola a cada sete anos ou no máximo 10.

“Se tiver que fazer uma limpeza , a dica é limpar os colchões com bicarbonato de sódio e aspirar muito bem com os aspirados que tenham a função EPA. Importante é sempre evitar umidade e itens que acumulam poeira, fungos e bactérias”, indica o especialista. 

Outra dica é manter o quarto bem arejado e não colocar umidificadores de ambientes porque bactérias e fungos gostam justamente de umidade. Também não precisa sofrer com o calor nos dias mais quentes. “O ar-condicionado é muito bom desde que seja higienizado a cada 15 dias, ou seja, tem que abrir, tirar o filtro, lavar com água e sabão no tanque e colocar de volta.”

Como cuidar da limpeza do banheiro

Além dos produtos de limpar a casa que você compra, também é possível fazer misturas em casa para facilitar a faxina
shutterstock
Além dos produtos de limpar a casa que você compra, também é possível fazer misturas em casa para facilitar a faxina


Uma das partes mais complicadas de limpar em uma casa é o banheiro, um ambiente que precisa de uma atenção especial na hora da faxina para que realmente fique livre de sujeiras, fungos e bactérias.

Para fazer uma limpeza prática e com qualidade, o Dr. Bactéria lista um passo a passo para faxinar o banheiro indicando produtos para limpar a casa.

  • Coloque nove ou no máximo dez gotas de detergente em 1 litro de água, molhe um pano na solução e passe no chão. Para tirar a sujeira do pano, pegue outro balde com água limpa e enxágue o pano. Não faça isso no próprio balde com a solução de detergente, isso fará com que você lave toda a sujeira na solução que você passará no chão novamente;
  • Depois de fazer esse primeiro passo, é hora de desinfetar. Em um balde de água, coloque duas colheres de sopa de água sanitária por litro de água, passe no chão e deixe secar;
  • No caso de piso, azulejos, metais e vaso sanitário, é possível passar o mesmo pano ou, para uma maior praticidade, usar o wipe, que é muito bom porque limpa, desinfeta e depois é só jogar fora;
  • As toalhas de rosto precisam ser trocadas diariamente, as de banho pelo menos de dois em dois dias;
  • Os mosquitinhos que tendem a aparecer nesse ambiente e são sinais de que o ralo está sujo e está na rola de limpar. Para limpá-lo é só tirar o tampão, lavar com um escovão com água e detergente, depois jogar bicarbonato e um copo de vinagre. Uma vez por mês é o suficiente e mantém o banheiro higienizado.

Menos tempo na faxina e produtos para evitar

Alguns produtos para limpar a casa podem atrapalhar a faxina, então é preciso ficar atenta a alguns detalhes
shutterstock
Alguns produtos para limpar a casa podem atrapalhar a faxina, então é preciso ficar atenta a alguns detalhes


O especialista fala que a melhor forma de diminuir o tempo dos serviços domésticos é limpando constantemente porque quando se deixa para depois, a sujeira fica impregnada e a limpeza se torna mais difícil. “É de costume falar que quem faz a faxina faz de tudo para não sujar o que limpou. Portanto, casa limpa não é aquela que mais se varre, mas aquela que menos se suja.”

Leia também: Como limpar a casa no inverno e deixar o ambiente mais saudável e sem mofo?

Vale ressaltar também que do mesmo jeito que tem produtos para limpar a casa que ajudam, outros atrapalham e, dependendo do caso, devem ser evitados. “Em casas com animais, por exemplo, a água sanitária deve ser evitada para não causar a dermatite de contato. Já entre os equipamentos que podem ser evitados, os umidificadores de ar são o destaque porque aumentam mais de 60% a 70% da umidade do cômodo, facilitando a multiplicação dos ácaros”, aconselha o Dr. Bactéria.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.