É comum ter um "bad hair day" na vida, afinal, não é sempre que os fios acordam "no lugar" e o frizz nos cabelos pode aparecer sem aviso. Ainda assim, há algumas formas de prevenir que os fiozinhos fiquem arrepiados e isso tem muito a ver com a sua rotina de cuidados. 

Leia também: Tintura deixa o fio ressecado? Veja quais cuidados ter com cabelos tingidos

mulher se olhando no espelho e com as mãos no cabelo
shutterstock
O frizz no cabelo pode ser causado por alguns hábitos, como na hora da lavagem ou secagem, que deixam os fios 'arrepiados'

"Um cabelo bonito e sem frizz é fruto de um processo regular. Os cuidados podem ser feitos em casa de maneira simples e o importante é manter os fios hidratados e bem cuidados", afirma Luís Fernando da Hora, artista da Singu, marketplace de beleza e bem-estar.

Segundo o profissional, o segredo para evitar o  frizz nos cabelos está em como dar mais atenção ao fio nos hábitos que você já tem, mas pode estar fazendo errado; confira: 

1. Lavagem

A temperatura da água durante o banho influência (muito) no surgimento do frizz. A água quente danifica muito as estruturas capilares e por isso o ideal é utilizar a temperatura morna. Uma dica que pode ser útil é sempre fazer o último enxágue com a água fria. Isso faz com que as fissuras da superfície dos fios apareçam menos, melhorando a aparência das madeixas.

Leia também: Tem cabelo oleoso? 8 hábitos comuns podem estar causando esse problema

2. Escova de cabelo

O uso da escova inapropriada pode resultar em cabelos quebradiços por causa do atrito gerado. Por causa disso, é fundamental escolher a escova ou pente de acordo com o tipo do fio. "Penteá-los molhados é mais indicado do que quando secos", complementa Luís.

3. Óleos

Quando falamos de cabelo, a desnutrição é a principal vilã e, além de tornar o fio fraco, o deixa também ressecado.  Assim, o uso de óleos nos cabelos secos, já que esse produto possui o papel de nutrição, pode amenizar os danos. "Os óleos devem ser aplicados apenas nas pontas dos fios para que o produto não pese e deixe um aspecto oleoso", afirma o profissional.

4. Chapinhas e secadores

A exposição a altas temperaturas resulta em pontas duplas, raízes e comprimento queimados e o temido frizz, claro. O ideal é utilizar chapinhas, secadores e outros aparelhos em ocasiões pontuais, sempre lembrando de aplicar um protetor térmico antes de usar essas ferramentas. 

Leia também: 3 maneiras de hidratar o cabelo usando bicarbonato, vinagre de maçã e limão

5. Toalha

Toalhas de algodão — ou até mesmo uma camiseta de algodão, se quiser improvisar — são as mais indicadas por não gerarem tanto atrito."Não esfregue ou enrole a toalha na cabeça, apenas pressione levemente para tirar o excesso da água dos fios", finaliza Luís Fernando.

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários