Tamanho do texto

Sua unha não para de quebrar? Dermatologista explica o que deve ser feito

As unhas fracas e quebradiças podem ser um verdadeiro problema – e que vai além da questão estética. Isso porque, quando ficam enfraquecidas, elas quebram com facilidade , geram desconforto, ficam mais finas, descamam com mais frequência e podem indicar que há algo errado com sua saúde. 

unhas fracas e quebradiças arrow-options
shutterstock
Há diversas razões que podem deixar as unhas fracas e quebradiças; dermatologista explica as causas e dá dicas

“O enfraquecimento das unhas é um problema que muitas pessoas enfrentam e que pode ser ocasionado por diversos motivos”, diz a dermatologista Claudia Marçal, membro da Sociedade Brasileira de Dermatologia. Os primeiros sinais de unhas fracas e quebradiças aparecem quando elas ficam porosas e apresentam manchas e irregularidades. 

Quando estão assim, elas também ficam mais vulneráveis ao ataque de fungos. Entre as causas para o enfraquecimento da unha, podemos destacar a alteração em sua composição, como a perda de água; exposição a agentes químicos (solventes, ácidos, uso abusivo de acetona), alguns cosméticos com formaldeído); e traumas repetitivos (como a digitação).  

O uso de medicamentos, doenças e o período gestacional também estão entre as razões. “As manifestações mais usuais são o descolamento ou fissura da unha, descamação nas bordas, e alteração da espessura, facilitando sua quebra. É necessário buscar ajuda dermatológica quando isso acontece”, alerta a especialista.

7 dicas para deixar as unhas mais fortes 

unhas fracas e quebradiças arrow-options
shutterstock
Suas unhas costumam quebrar com frequência?: Veja algumas dicas que ajudam a deixá-las mais fortes e resistentes

A dermatologista indica algumas medidas para fortalecer as unhas

1. Evite o contato com produtos químicos. Caso o contato seja constante, a dica é utilizar luvas para proteger as mãos e, dessa forma, evitar a agressão direta; 

2. Use produtos destinados às unhas e cutículas. Itens que contenham em sua composição ativos que promovem cuidados e nutrição potencializam o crescimento e as deixam mais saudáveis; 

3.  Priorize alimentos com alto valor nutricional, com vitaminas, proteínas e minerais; 

4. Evite roer as unhas. Este hábito é prejudicial, pois podem abrir machucados que servem de porta de entrada para vírus e fungos, que prejudicam a saúde e seu crescimento; 

5. Verifique o formato. As unhas podem ser cortadas com tesoura e/ou aparadas com lixas, de preferência de uso pessoal ou descartáveis. O melhor formato é o arredondado nas mãos e quadrado nos pés;

6. Tome cuidado ao lixá-las. O hábito de lixar a parte de cima da unha pode ser prejudicial, uma vez que retira camadas de queratina e as deixa mais finas e, consequentemente, frágeis; 

7. Prefira os removedores de esmalte sem acetona. A acetona em excesso torna as unhas mais ressecadas e, portanto, mais propensas a quebra. Dessa forma, indica-se utilizar removedores isentos do componente, que são menos agressivos.

Bônus: a importância da base antes do esmalte 

base de unha arrow-options
shutterstock
Utilizar uma boa base de unha com componentes de vitaminas também é importante para que as unhas fiquem fortalecidas

“As bases devem ser utilizadas antes do esmalte, pois protegem as unhas, promovendo nutrição, reparo e crescimento”, indica Claudia. Os melhores produtos para evitar unhas fracas e quebradiças são os que contêm em sua composição substâncias como pantotenato de cálcio, queratina, Nonychosine V, Methiosilane CN, vitamina E e vitamina B5.