Uma jovem de 21 anos (cuja identidade não foi divulgada) compartilhou no fórum Mamamia sua experiência se relacionando com um homem casado e 11 mais velho. No relato sobre a traição, ela conta que "caiu nos charmes dele" assim que o conheceu.

Leia também: Traição tem a ver com amor? Veja o que mulheres que já traíram têm a dizer

A mulher afirma que ficou envolvida emocionalmente com o homem, mesmo sabendo que eles estavam cometendo traição
shutterstock
A mulher afirma que ficou envolvida emocionalmente com o homem, mesmo sabendo que eles estavam cometendo traição


A mulher conta que conheceu o empresário de 32 anos quando estava em um bar e ele deixou claro que é casado. Antes de ir embora, ele pediu o número dela para que eles pudessem manter contato e se tornassem "amigos". Na mesma semana, eles marcaram de ir ao cinema durante o dia e foi quando a amizade evoluiu para uma traição  .

O casal se beijou pela primeira vez nesse encontro. "Nós transamos no carro dele alguns dias depois. Depois disso, passamos a nos ver quase todos os dias — ele vinha ao meu apartamento no caminho do escritório para casa e nós fazíamos o melhor sexo da minha vida", diz. 

Mesmo sabendo que ele é casado , a anônima afirma que se tornou "viciada com o perigo e a adrenalina" de viver um affair. Por causa desse status de relacionamento, ela passou a mentir para amigos e familiares, e logo se viu envolvida emocionalmente com o homem. 

Você viu?

Leia também: É possível esconder um caso? Mulher adepta da traição prova que sim

"Um dia eu falei que o amava e ele me disse 'eu te amo' de volta. O nosso sexo ficou ainda melhor", conta. Ela afirma, porém, que logo depois ele disse ter se arrependido do que falou e hoje percebe que as declarações foram feitas no calor do momento, já que ela estava animada por se relacionar com um homem mais velho. 

Esse momento a fez despertar e perceber que ele não deixaria a esposa e os filhos para ficar com ela, além de que a relação deles era "feita de encontros e sexo casuais". Assim, começou a sair com outras pessoas e ficar "menos disponível" para ele.

"Eu comecei a jogar o fato dele ser casado na cara dele. Fazia comentários sobre como é bom quando os homens não mentem para a mãe de seus filhos. Bons homens não traem as esposas", comenta. Os dois se afastaram e começaram a se relacionar com outras pessoas.

Leia também: Ao descobrir traição de uma década atrás, esposa enfrenta dilema

Hoje, ela diz que vê o relacionamento como  "tóxico" . "Depois de diversas tentativas, com muita dor e lágrimas, eu finalmente bloqueei o número dele e nunca mais nos falamos", diz. Ela aconselha outras mulheres a não "caírem no erro" de se envolver com um homem que não tem comprometimento e afirma que mesmo com a "adrenalina da  traição  " não valeu a pena. 

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários