Tamanho do texto

Mulher gera polêmica com postagem no Instagram em que aparece elogiando o marido simplesmente por ele ter realizado os afazeres da casa

Bridie, uma influenciadora digital da Califórnia, nos Estados Unidos, abriu um debate na internet ao postar uma foto no Instagram em que aparece ao lado do marido e elogia o companheiro por fazer as tarefas domésticas. Na legenda, ela diz que não há “nada mais quente” que isso.

Leia também: Este é o motivo pelo qual você fica muito mais excitada no período menstrual

choreplay
Reprodução/Instagram/@bri.dietz
Bobby, o marido, segurando o letreiro com o conceito de 'choreplay'

Na foto do post, o marido dela, Bobby, aparece segurando um letreiro que diz: “Ajudando nas tarefas domésticas você pode se dar bem”, em alusão ao conceito  choreplay , em que mulheres ficam mais excitadas ao notar que os homens estão contribuindo com os afazeres de casa.

A postagem de Bridie gerou polêmica pelo fato da influenciadora elevar o ato do marido ajudar com as tarefas do dia a dia e não tratar isso como algo comum. 

Leia também: Mulher que já foi viúva duas vezes engata novo namoro: “Melhor não morrer”

Tarefas domésticas devem ser compensadas?

tarefas domésticas
Reprodução/Instagram/@bri.dietz
A influenciadora digital Bridie afirma que compensa o marido com sexo pelas tarefas domésticas: "Nada mais quente"



Muitos de seus mais de 74 mil seguidores consideravam que as tarefas domésticas não deveriam ser encaradas como algo fora do normal, com recompensa, e, sim, como de contribuição, feita pelo bem comum.

Entre as críticas, boa parte dos usuários da rede social sustentou que isso ajuda a perpetuar a desigualdade entre os gêneros , porque o marido é elogiado por “fazer o mínimo” que se espera dele.

Um seguidor escreveu: “‘Ajudar com o trabalho doméstico?’ É a casa dele também. É responsabilidade dele também”. Outra compartilha da mesma opinião: “‘Ajudar com o trabalho doméstico?’ [Isso] infantiliza os homens e implica que cuidar da casa é trabalho da mulher”, comenta.

Leia também: Mulher se apaixona por homem em situação de rua: "Química instantânea"

Algumas pessoas, entretanto, entenderam Bridie e afirmaram concordar com o choreplay . “Isso não é abusivo, bruto ou sexista. Casamento raramente é uma divisão completa de 50/50”, salienta uma.

“Ajudar com tarefas domésticas ou ter meu marido cuidando do jantar de vez em quando é uma das minhas surpresas favoritas! Ele com certeza atinge um ponto doce com isso. Não é vergonha”, conta outra.

Mesmo com os comentários negativos, a influenciadora digital afirmou que a referência usada por ela está no livro “As Cinco Linguagens do Amor”, declarando que ajudar na casa era a linguagem do amor de seu parceiro.