Tamanho do texto

Segurar a respiração na hora do orgasmo pode ser uma ação involuntária, mas isso pode te fazer perder o melhor das sensação; veja como corrigir

Já foi comprovado que técnicas de respiração podem ser usadas em diversas situações em prol da saúde e bem-estar. Você mesma já deve ter recorrido ao famoso “inspirar pelo nariz e soltar pela boca” quando estava nervosa ou estressada e percebeu a diferença na hora.  Mas, o que talvez não seja do seu conhecimento é que até a sua vida sexual pode mudar a partir de medidas simples na hora de puxar e soltar o ar.

Leia também: As 6 melhores posições sexuais para ter orgasmos múltiplos

Melhor forma aproveitar ao máximo o momento do orgasmo é relaxando adotando técnicas de respiração profunda
shutterstock
Melhor forma aproveitar ao máximo o momento do orgasmo é relaxando adotando técnicas de respiração profunda

Parece algo óbvio: quando nossa respiração acontece de maneira tranquila e correta, nosso corpo relaxa e parece mais disposto. Mas, na prática, lembrar de dar essa atenção especial ao simples ato de respirar acaba passando despercebido - o que é um erro. É aí que as técnicas de respiração entram em ação.

“Pesquisas mostram que o adolescente e o adulto médio estão usando apenas um terço de seus sistemas respiratórios. Este é um comportamento aprendido porque prendemos a respiração para lidar com a emoção e o estresse e, com o tempo, nossos músculos respiratórios se contraem”, explica a especialista Rebecca Dennis ao The Sun . Segundo ela, respirar corretamente pode te ajudar em níveis emocional, mental e físico.

No sexo , por exemplo, quando estamos próximas do orgasmo, segurar o ar é um instinto muito comum e até involuntário. Mas Rebecca afirma que prender a respiração à medida que você se aproxima do ápice pode limitar a quantidade de oxigênio novo que flui para o sistema nervoso, o que pode ser contraproducente para sentir prazer.

Segundo ela, a melhor maneira de corrigir esse costume é tendo respirações profundas e diafragmáticas. Outra tática que pode melhorar o desempenho sexual é respirar junto com seu parceiro. Esse método ajuda a criar intimidade e proximidade, segundo a especialista.

Leia também: Confira 5 hábitos para adotar fora da cama para melhorar o desempenho sexual

Passo a passo de técnicas de respiração para usar durante o sexo

Para conseguir fazer das técnicas de respiração um hábito, a dica é treiná-las enquanto você estiver se masturbando
shutterstock
Para conseguir fazer das técnicas de respiração um hábito, a dica é treiná-las enquanto você estiver se masturbando

Para melhorar seu desempenho sexual , ela dá algumas dicas:

  1. Comece inspirando profundamente para aumentar o fluxo sanguíneo.
  2. Quando você se sentir mais perto do clímax, continue respirando profundamente.
  3. Quando o seu orgasmo começar, tente o seu melhor para continuar a respiração e relaxar todo o seu corpo nele. Pode parecer contra-intuitivo a princípio, mas tente voltar para aquela respiração de boca aberta, quando o ar entra completamente pelo diafragma, e continuar relaxando toda vez que o solta.

Além de melhorar o seu orgasmo, a técnica também fará com que você se sinta mais próximo do seu parceiro, afirma Rebecca. 

Leia também: Orgasmo pode ser atingido mais facilmente com ajuda de um determinado item

Se estiver encontrando dificuldades para realizar as técnicas de respiração  enquanto se envolve com seu parceiro ou parceira na cama, uma dica é treinar os procedimentos durante a masturbação. Praticar a respiração profunda e soltar enquanto está sozinha pode te ajudar a se acostumar e fazer disso um hábito, seja na hora do orgasmo ou em qualquer outra situação. 

    Leia tudo sobre: