Tamanho do texto

Os britânicos Warren e Ché Dyer não receberam as fotos do grande dia porque um cachorro estragou o CD do fotógrafo que continha os registros

O casal britânico Warren e Ché Dyer decidiu recriar o álbum de casamento viajando por 11 países diferentes, tudo porque eles perderam os registros originais tirados no grande dia. Eles escolheram lugares exóticos e pontos turísticos ao redor do mundo para recriar as fotos e o melhor, eles se vestiram a caráter para os registros. Há imagens nos Alpes franceses, com auroras boreais e até uma festa de lua cheia em Bali.

Leia também: O amor e suas diversas formas

Warren e Ché Dyer reciaram o álbum de casamento tirando fotos ao redor do mundo e ela usou o vestido de noiva
Reprodução/Mirror
Warren e Ché Dyer reciaram o álbum de casamento tirando fotos ao redor do mundo e ela usou o vestido de noiva


As fotos do álbum de casamento foram perdidas, pois o CD do fotógrafo com os registros foi atacado por um cachorro, deixando-o tão riscado que parou de funcionar. “Fiquei bastante chateada em não ter fotos decentes de nós no nosso casamento, então eu simplesmente decidi propor recriar as fotos em um festival de música na Bélgica”, conta Ché em entrevista ao jornal britânico “Mirror”.

Na ocasião, ela comentou, em tom de brincadeira, que usaria o vestido de noiva para tirar essas fotos. “Para minha surpresa, ele [meu marido] respondeu: ‘Legal, e o que devo usar?”, lembra Ché. Eles não perderam tempo e nesse próprio festival de música já começaram a tirar as fotos. O resultado agradou tanto que o casal ficou motivado a montar um álbum com registros ao redor do mundo para substituir aquele que nunca recebeu.

A post shared by warrz (@warrz) on


Vestido de noiva guerreiro

Amsterdã, Sevilha, Sydney, Alpes franceses... O vestido feito sob medida resistiu a todos os destinos, a todas as vezes que foi embalado e aos vários contratempos que o casal encontrou nas viagens. “Costumo embalá-lo [o vestido] na minha mala quando voamos e isso ocupa literalmente metade da minha bagagem”, relata a britânica. “A primeira saída com o vestido foi divertida porque não tínhamos ideia do que estávamos fazendo”, acrescenta.

Leia também: Como ter um casamento feliz? Idosos juntos há 50 anos contam seus segredos


Outra coisa que Ché descobriu é que ajudar uma noiva a se vestir não é uma tarefa fácil para os homens. “A primeira vez que coloquei o vestido, percebi que Warren não tinha ideia de como fazer para fechá-lo, então precisamos pedir a duas senhoras que estavam olhando e rindo para me ajudar a entrar no vestido”, conta. Mas agora, o casal já encontrou técnicas que facilitam colocar o traje de noiva.

Há males que vem para o bem

A cada foto que tiram, os apaixonados fazem um quadro e colocam da parede da casa deles. “Embora eu nunca mais possa recriar todos os sentimentos incríveis que vivi no dia do nosso casamento, toda vez que colocamos nossas roupas é uma pequena lembrança do compromisso que firmamos um com o outro naquele dia”, expõe Ché.


Leia também: Casais que trabalham juntos têm relacionamentos melhores, apontam estudos

Ela termina dizendo que, de certa forma, é grata por não ter as fotos da cerimônia, porque agora possui um incrível álbum de casamento com fotos ao redor do mundo, sendo que cada imagem carrega consigo muitas memórias dos lugares que visitaram. 

    Leia tudo sobre: amor
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.