Tamanho do texto

Uma semana antes do casamento, o noivo de Nikki Salgot, Collin Rose, morreu após ser baleado e, mesmo assim, a noiva não desistiu do ensaio

As fotos de casamento costumam ser uma das melhores partes de todo o processo em torno da oficialização de uma união, mas, para Nikki Salgot, o momento foi tudo, menos feliz. Uma semana antes do casamento entre a moça e o policial Collin Rose, o noivo foi baleado durante uma operação da polícia e morreu. No Facebook, Nikki afirma que o que era para ser o dia mais feliz da vida, tornou-se “um lembrete do quão ruim a vida pode ser”. Mas, afinal, por que ela não desmarcou o ensaio?

Leia também: Após morte de mulher, marido faz lua de mel com foto da amada

A uma semana da celebração, o noivo de Nikki Salgot faleceu e, mesmo assim, a noiva não desistiu das fotos de casamento
Divulgação/Nikki Salgot
A uma semana da celebração, o noivo de Nikki Salgot faleceu e, mesmo assim, a noiva não desistiu das fotos de casamento


Celebrando o amor e seguindo em frente

Apesar de as fotos de casamento de Nikki não mostrarem uma noiva incrivelmente feliz ao lado do parceiro, elas ainda trazem um significado especial. Com o ensaio, Nikki pretende mostrar a todos e a ela mesma que, apesar de estar devastada com a morte do ex-noivo, ela não quer deixar de viver a vida. Sendo assim, uma semana após a data em que a união seria celebrada, Nikki entrou em contato com a fotógrafa Rachel Smaller, conhecida com quem a noiva não falava há uma década.

Apesar de algumas das fotos serem tristes, Nikki afirma que elas simbolizam a força que ela mesma tem
Divulgação/Nikki Salgot
Apesar de algumas das fotos serem tristes, Nikki afirma que elas simbolizam a força que ela mesma tem

Leia também: Noivos têm casamento bancado por estranhos e o motivo é comovente

Na postagem que fez a respeito das fotos no perfil do Facebook, Nikki agradece Rachel e conta que a fotógrafa se prontificou a atender seu pedido uma semana antes do próprio casamento. “Particularmente, eu não gosto muito de ficar em frente a uma câmara, especialmente em um vestido de noiva, no meio de uma floresta e sem um noivo, mas ela conseguiu capturar muito mais do que eu poderia esperar”, relata.

Para Nikki, o ensaio fotográfico demonstra força. “As imagens mostram que essa perda não me destruiu e nem vai me destruir, mostram que eu continuo forte como sempre e me recuso a deixar isso me definir”, afirma a moça, reforçando que precisava de um desfecho para que pudesse seguir em frente. Além disso, ao veículo “Women’s Health”, ela conta que foi uma forma de ressignificar a data. “Os planos foram tirados de mim e eu precisava que esse dia não fosse ignorado e esquecido. Eu fiz as fotos porque queria ser capaz de olhar para trás e me lembrar do amor que compartilhei com Collin, para me lembrar de que eu posso seguir em frente”, explica.

Leia também: Marido aprende a maquiar esposa como uma prova de amor; entenda

Além de mostrarem força, Nikki diz que as fotos fazem com que a data não seja  lembrada como
Divulgação/Nikki Salgot
Além de mostrarem força, Nikki diz que as fotos fazem com que a data não seja lembrada como "o dia que nunca aconteceu"

E o vestido que Nikki utilizou nas fotos de casamento também possui um significado especial. A mulher explica ao veículo que, antes da tragédia, ela havia optado por outro vestido porque ele era mais barato que o “dos sonhos”. Chateado com o fato de que Nikki desistiu do vestido que mais havia gostado por conta do preço, Collin disse à ela que “se é isso vai lhe fazer feliz, compre-o. Nós resolvemos isso [questão do dinheiro] depois”, e assim ela o fez, usando-o no ensaio mesmo sem o noivo ali para vê-la.

    Leia tudo sobre: Amor