Tamanho do texto

Buscar 100% de compatibilidade nas interações sexuais pode parecer o caminho certo para achar aquela pessoa especial, mas um estudo recente indica que fazer isso pode ser prejudicial para o relacionamento; saiba mais

Você está frequentemente a procura de alguém que seja compatível com você e satisfaça seus desejos como ninguém ou se contentaria com uma pessoa que não preenche fielmente todas as exigências, mas que têm algum potencial para fazê-lo caso se esforce para isso? De acordo com um novo estudo publicado no “Journal of Personality and Social Psychology”, uma dessas opções pode estar caminhando para a felicidade e outra para a insatisfação sexual .

Satisfação sexual está ligada às expectativas dos parceiros quanto à compatibilidade
Shutterstock
Satisfação sexual está ligada às expectativas dos parceiros quanto à compatibilidade


De acordo com estudos anteriores, ser o tipo de pessoa que acredita em alma gêmea, ou seja, na existência de poucas pessoas capazes de satisfazer plenamente um único indivíduo, não é algo proveitoso para o relacionamento. A novidade do novo estudo é que isso também acontece no âmbito sexual .

O estudo

Para realizar o levantamento, os pesquisadores da Universidade de Toronto e da Universidade Dalhousie dividiram os participantes em dois grupos: os que acreditam no crescimento da satisfação baseado em esforço e os que acreditam em compatibilidade natural. Para isso, eles precisaram responder o quanto concordam com afirmações como “leva muito tempo e esforço para cultivar um bom sexo”, “o sexo satisfatório é fruto de aprendizado e de resolver as diferenças com o parceiro” e “se um casa for preciso trabalhar a questão sexual, o relacionamento provavelmente não vai vingar”.

O estudo então estabelece que acreditar em “ almas gêmeas sexuais” faz com que o sexo se torne um fator-chave na relação, medindo o quanto ela está funcionando e “prevendo” se ela terá sucesso ou não. Agir dessa forma, porém, aumenta as chances de a pessoa se decepcionar e seguir pulando de relacionamento em relacionamento sem necessariamente se satisfazer. Além disso, pessoas que pensam assim tendem a focarem na performance alheia em encontros românticos, estabelecendo uma certa pressão no momento.

Leia também: Confira Dicas do Kama Sutra para melhorar o sexo

Enquanto isso, a pesquisa afirma que pessoas que encaram desafios como uma chance de melhorar a relação em vez de enxergarem neles sinais de que o relacionamento deve acabar, tendem a se sentir mais satisfeitos com a vida sexual e apresentam uma conexão maior na hora do sexo, já que lidar com as diferenças pode contribuir para que o casal fique mais unido.

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.