Para emagrecer não há segredo ou milagre. Sabemos que o caminho é conciliar dieta e exercícios, mas como colocar isso em prática? A mestre em fisiologia Bianca Vilela, monta uma lista com dicas práticas e também explica como ocorre o processo de emagrecimento para acabar dúvidas. 

mulher magra
shutterstock
Saiba como conciliar dieta e exercícios com algumas dicas práticas para emagrecer

Leia também: Como emagrecer na quarentena? Nutricionista dá dicas e mostra cardápio

A dieta vai dar energia necessária para o corpo, mas é preciso equilíbrio, pois se houver sobra de energia, ela vai ficar acumulada e virar gordura, ou seja, você vai engordar. Os exercícios dão uma força para encontrar esse equilíbrio e ir além, causando defict calórico (gasta-se mais enerigia do que se consome) e ainda tonificam músculos.

Emagrecer não será da noite para o dia, o processo exige esforço e constância. Segundo Bianca, você pode seguir essas dicas práticas para emagrecer

  1. Reduzir as porções de 10% a 20% no tamanho de tudo o que for consumido por dia e, para isso, você pode usar pratos e talheres menores para não perceber essa diminuição;
  2. Fazer musculação para, além de queimar calorias, acelerar o metabolismo e manter o orgonismo queimando calorias também em repouso. Isso acontece porque o corpo usa mais energia para recuperar as fibras musculares;
  3. Treinar com intervalos de alta intensidade: basta treinar pesado e com intervalos de descanso curtos, como caminhar um minuto e correr em alta velocidade por mais três.
  4. Tentar continuar ativo durante o dia, ficando mais empé ao invés de ficar sentado, o que pode queimar entre 20 e 50 calorias a mais por hora. Você pode atender ligações andando, levantando para pegar água, trocar elevador por escada, etc.
  5. Algumas trocar também vão ajudar nesse processo: adoçante no lugar do açúcar, leite desnatado ao invés de integral, suco natural ao invés de sucos de caixinha, trocar o queijo amarelo pelo branco, a maionese pela mostarda, o presunto pelo peito de peru, o iogurte convencional pelo 0% de gordura e por aí vai;
  6. Por fim, apostar em termogênicos também vão ajudar, já que eles são capazes de acelerar o metabolismo: pimenta vermelha, o chá verde, a canela, o gengibre, o chá de hibisco, a mostarda, a cafeína e até a água gelada estão nessa lista

Como emagrecer de fato?

dieta
shutterstock
A dieta balanceada vai te dar energia na medida e também ajudar a ter mais músculos e menos gordura

Tudo é uma questão de equacionar a conta de ganho de músculo e perda de gordura é preciso uma combinação de consumo de alimentos ricos em nutrientes e proteínas e pobres em carboidrados e açúcares. Fora a alimentação, uma atividade física que combine exercícios aeróbico com força também é importante.

De acordo com Bianca, o emagrecimento acontece quando a massa muscular aumenta, o que acaba forçando o metabolismo a acelerar e, consequentemente, a queimar calorias. “Isso significa que os músculos ocupam menos espaço no corpo que a gordura e essa conta que tem que fechar”, afirma.

Leia também: Em quarentena, mulher perde 9kg em 15 dias com desafio de grupo no WhatsApp

Não se engane com números

balança
shutterstock
O número na balança pode enganar e até te desanimar no processo de ter o corpo que deseja

Ainda nesse processo é importante tomar cuidados com alguns números. A balança, por exemplo. Ver os ponteiros descendo dá um ânimo a seguir na dieta, mas se eles se mantiverem no lugar nem sempre é um mau sinal. 

"Quem pratica musculação , por exemplo, ganha massa muscular e perde gordura, então neste caso talvez a diferença na balança não seja tão grande", ressalta a especialista. A balança não diferencia gordura de massa magra ou água. Tudo se resume a um número. 

Leia também: Emagreci dormindo? Este é o motivo pelo qual você pesa menos de manhã na balança 

A dica para acompanhar a evolução é se olhar no espelho ou se comparar com fotos. "O espelho não mente, porque músculo tem uma densidade maior que gordura, ou seja, visualmente uma pessoa pode parecer mais magro mas o peso da balança pode não reduzir tanto”, fala Bianca. 

Ainda de acordo com a profissional, vale também atenção para a dieta: 100 calorias de uma lata de refrigerante são bastante diferentes das 100 calorias de uma banana, por exemplo. “Não adianta só cortar números da dieta, emagrecer às custas de gordura é bem diferente do que emagrecer às custas de massa magra”.

Para evitar problemas, o melhor caminho é procurar auxílio de um médico ou nutricionista. Ele vai montar um plano alimentar de acordo com suas necessidades e pode seguir as dicas práticas para emagrecer listadas acima. Também mexa-se seguindo a orientação de um profissional de educação física. 

    Veja Também

      Mostrar mais