Todo mês é a mesma coisa. Vem o período menstrual e, com ele, incômodos como cólicas e inchaço. Enquanto o primeiro é o resultado da contração do útero; o outro pode ser sinal de retenção de líquido. Alterações hormonais comuns nessa época podem causar isso, assim como uma alimentação não balanceada.

mulher segura balão rosa ao lado da barriga, que está inchada; ela este branco
shutterstock
Seja no período menstrual ou não, muitas mulheres procuram por diuréticos para aliviar a retenção de líquido


Para acabar com a retenção de líquido , muitas mulheres optam por diuréticos . É possível encontrar algumas opções de produtos naturais voltados justamente para a eliminação de líquido retido. Veja alguns exemplos.

Leia também: Acabe com a retenção de líquido: 5 coisas para fazer e 6 para evitar

Lembramos, entratanto, que é sempre indicado procurar um médico antes de fazer uso de algum produto ou medicação.

Adesivos Adiurex

uma pessoa segura as duas mãos em frente a barriga em sinal de desconforto
shutterstock
Os adesivos são pouco visíveis e são capazes de passar os ingredientes necessários para desinchar através da pele


O Adiurex é um adesivo 100% natural e, por estimular a liberação de líquidos, funciona como uma drenagem. O produto aciona o sistema linfático e circulatório, o que elimina toxinas e traz controle hídrico ao corpo, diminuindo os inchaços e a gordura abdominal. A composição do adesivo é de castanha da índia, carnitina, ginkgo biloba e cafeína.

Os adesivos podem ser usados no dia a dia. Depois de aplicados, levam 12 horas para agir no organismo. O uso deve ser interrompido depois de 24 horas. Pode ser usado por homens e mulheres maiores de 18 anos, mas é contraindicado para pessoas ultrassensíveis; com insuficiência hepática e renal; gestantes e mulheres que estão amamentando. 

Leia também: Treino rápido para eliminar o inchaço

Leia também: Vinagre de maçã ajuda a desinchar o corpo?

Adesivos Slim Patch

Os Adesivos Slim Patch tem  princípios emagrecedores e busca eliminação de gordura e líquido também por meio de ingredientes naturais , como óleos, pó mineral e hortelã. O produto bloqueia a absorção de gorduras, açúcares e amido no organismo, além de equilibrar o apetite e queimar substâncias tóxicas.

Os resultados são considerados mais rápidos já que a composição penetra diretamente na circulação, ignorando o sistema digestivo, rins e fígado. No entanto, é necessário tomar alguns cuidados maiores para utilizar o Slim Patch.

  1. O adesivo deve ser aplicado antes de dormir e retirado ao acordar;
  2. Mantenha-se hidratada e tenha uma alimentação saudável;
  3. Quando estiver com o adesivo, evite ingerir alimentos picantes ou gordurosos e café;
  4. A substância 5HTP, aminoácido natural presente na fórmula dos adesivos, pode causar dispersão em crianças; então o uso não é indicado.

DrenAtive e Desinchá

chá verde sendo despejado por um bule em uma caneca
shutterstock
Os chás são uma ótima opção para quem quer combater a retenção de líquido; os ingredientes naturais são capazes de expulsar o líquido retido


Os chás também são boas opções para aliviar a retenção de líquido de maneira natural, já que suas fórmulas contam com ingredientes naturalmente diuréticos capazes de tratar insuficiência renal. O legal é que, além da diversidade de sabores, é possível ingerir como suco ou até gelatina, por exemplo. 

O Desinchá já é um queridinho dos nutricionistas e de muitas blogueiras fitness, como Flavia Pavanell e Marina Ferrari. A bebida não contém glúten, lactose ou calorias em sua fórmula e diminui o inchaço. No caso do DrenAtive, o metabolismo é acelerado e pode melhorar até a aparência das celulites. 

As duas bebidas são compostas por uma combinação de chá verde, carqueja, mate verde, hortelã, gengibre, guaraná, sálvia e alecrim.

Segundo a nutricionista Aline Rodrigues, o consumo de chás para melhorar a retenção de líquido, mas também é contraindicado para certos grupos de pessoas. Ingredientes como o gengibre, o guaraná e a cafeína não podem ser ingeridos por quem tem hipertensão. Idosos que possuem comorbidade só podem fazer uso em doses controladas. Gestantes e lactantes podem ter a produção de leite inibida.

    Veja Também

      Mostrar mais