Quando estamos de dieta, parece que todas as tentações aparecem: docinhos, lasanhas, pizzas... Principalmente nos momentos de celebração, a vontade é deixar a alimentação regrada de lado para se deliciar com várias comidas gostosas de uma vez. Porém, o melhor sempre é reduzir os danos e tentar não abandonar o seu projeto por completo. Desse jeito, dá, sim, para ter até pizza na dieta

Leia mais: Quantas calorias tem a sua pizza?

A pizza Margherita é uma pedida mais leve e melhor para encaixar na dieta arrow-options
Reprodução/Pinterest/Whimsical Raindrop Cottage
A pizza Margherita é uma pedida mais leve e melhor para encaixar na dieta

É claro que existem vários tipos de dietas , umas mais restritivas e outras menos. Segundo a nutricionista Luanna Caramalac, se a paciente está numa dieta restritiva, que proíba a ingestão de muitos carboidratos ou até do glúten, é aconselhável que ela faça a sua refeição antes de ir para a pizzaria.

Porém, no caso de dietas um pouco mais abertas, existem várias opções do que pedir numa pizzaria. E é preciso pensar, como ressalta a nutróloga Ana Luisa Vilela, no que incluir no prato desde a entrada.

A médica afirma que essa entrada é importante, "para quando a pizza chegar você não estar desesperado de fome". Mas vale optar por itens leves nesse momento, como uma salada sem muitos molhos ou um suco de baixo teor calórico. 

Como é uma pizza mais viável para comer na dieta?

Passoua entrada e é hora de pedir a pizza. Se for possível, o melhor é escolher uma opção sem borda ou com uma borda bem fina , pois assim você já está "economizando calorias", conforme o que afirma Ana Luisa. 

Leia mais: Estas são as 3 melhores dietas para perder peso de acordo com ranking mundial

Já em relação à massa, Luanna ressalta que as isentas de trigo são muito recomendadas, pois não geram inflamação no corpo. "Entre elas, existem as massas feitas com farinha de arroz, massas low carb, com farinha de couve-flor, massas de brócolis e de grão de bico", diz a nutricionista.

Também são indicadas as massas integrais , feitas de farinha integral, porque as fibras anulam um pouco o seu índice glicêmico, fazendo com que a velocidade de açúcar não tenha picos na corrente sanguínea. E quanto mais picos de açúcar, mas chance de ter gordura acumulada no organismo. 

Quanto aos sabores, as pizzas sem muitos recheios e menos calóricas são preferíveis, como a famosa Margherita ou a pizza de rúcula com tomate seco. Ana Luisa também cita as pizzas de mussarela de búfala, aliche, atum, brócolis e abobrinha como boas ideias. Por outro lado, ela destaca que vale evitar o excesso de queijo, principalmente os cremosos, como catupiry.

Qual é a melhor bebida?

Água! Água é sempre o preferível. Porém, de acordo com Luanna, sucos naturais também são opções. Lembrando, é claro, que os mais recomendados são aqueles que possuem baixo índice glicêmico , como limão, maracujá, morango e kiwi.

Uma sugestão de Ana Luisa é pedir uma água com gás e pôr limão, que é saudável e sem calorias. No último dos casos, se a pessoa estiver desejando muito, ainda é melhor pedir um refrigerante zero do que o tradicional, pois o primeiro contém menos calorias.

E a sobremesa?

Para finalizar o jantar, o melhor é pedir uma fruta ou um picolé de fruta. Boas frutas, segundo Ana Luisa, seriam abacaxi, mamão e morango. Nada de pizza de chocolate! 

Dicas bônus para manter a dieta 

Ainda como ressalta a nutróloga, a chave para manter a alimetação saudável fora de casa é ter equilíbrio. Se já sabe que vai sair para uma pizzaria, a sugestão é tentar fazer a melhor dieta possível nos dias anteriores, com saladas e carnes, de preferência, para que os "danos" na saída não sejam altos.

Na pizzaria, atenção à mastigação. Luanna afirma que mastigar bem os alimentos nessa situação é ótimo, pois esse ato provoca saciedade, o que faz com que tenhamos menos vontade de comer exageradamente.

Leia mais: Pizza pode entrar na dieta saudável, sim! Veja dicas de nutricionistas

Além disso, essa prática ajuda na digestão das comidas, que se inicia na boca. Isso ajuda o nosso organismo a aceitar melhor os alimentos, absorvendo-os de forma mais saudável. Com isso, você consegue agir com mais sabedoria na pizzaria, conseguindo inclusive comer pizza na dieta .

    Veja Também

      Mostrar mais