Tamanho do texto

Isso é bem comum, mas esse incômodo pode ser evitado de maneira simples

Women's Health

Você está mantendo um bom ritmo na corrida, mas começa a sentir aquela dor na lateral da barriga que prejudica seu desempenho e te faz parar o treino. Se identificou com essa situação? Ela é mais comum do que você imagina, mas pode ser evitada de uma forma bem simples!

Mulher com dor na lateral da barriga na corrida
shutterstock
A dor na lateral da barriga durante a corrida - ou qualquer exercício - é resultado de respirar de forma errada

Leia também: Vamos correr? Veja dicas e planilha para quem quer começar no esporte

De acordo com Maria Carolina Pimenta, professora da Smart Fit (SP), o principal motivo para o surgimento dessa dor na lateral da barriga é respirar da forma errada. O correto é inspirar e expirar pelo nariz. O que acontece, contudo, é que algumas pessoas acabam usando a boca nesse processo.

“Isso gera a má oxigenação do sangue no diafragma, que é o principal músculo responsável pela respiração . Quando o ritmo da corrida está intenso, o atleta não consegue suprir à quantidade de oxigênio que o diafragma necessita, ocorrendo à produção de ácido lático, que causa a dor lateral na barriga”, explica.

Leia também: 

Pessoas sedentárias ou iniciantes da modalidade têm maiores chances de passar por isso, uma vez que as atividades intensas demandam mais condicionamento aeróbico. “O treino diário, ou pelo menos três vezes na semana, também pode ajudar a evitar esse incômodo. Seu condicionamento físico vai melhorar e a dor de lado não aparecerá mais”, indica Maria Carolina.

Ao sentir essa dor na lateral da barriga na corrida, a orientação é parar o treino, respirar profundamente pelo nariz e soltar pela boca. “Repita essa ação várias vezes até a dor passar. Isso fará com que o fluxo sanguíneo volte ao normal e você poderá dar continuidade ao exercício”, explica. “E lembre-se: alimentar-se de maneira leve e saudável, principalmente antes do treino, vai permitir que o seu desempenho seja muito melhor na corrida. Consequentemente, vai evitar que você sinta a dor”, completa.