Tamanho do texto

Treinamento intervalado de alta intensidade promete resultados rápidos, mas, de acordo com especialista, não pode ser visto como solução para todos

Treino HIIT vem do inglês High Intensity Interval Training, treinamento intervalado de alta intensidade , traduzindo para o português. Além de ser uma aula rápida, normalmente de meia hora, também gera resultados rápidos, o que atrai cada vez mais adeptos.

Treino HIIT costuma elevar bem a frequência cardíaca, pois tem objetivo de acelerar o metabolismo e queimar calorias
Shutterstock
Treino HIIT costuma elevar bem a frequência cardíaca, pois tem objetivo de acelerar o metabolismo e queimar calorias

Porém, como alerta o diretor técnico da Bodytech Company, Eduardo Netto, o treino HIIT não pode ser visto como solução para todo mundo. “Na minha concepção, o HITT  não é para todos. Apesar de inúmeras evidências cientificas de seus benefícios com pessoas iniciantes de baixo e moderado risco, sou defensor de que treinos que utilizam a intensidade e volume progressivos são as melhores estratégias para o aprimoramento do condicionamento cardiovascular.”

Sendo assim, o treinamento intervalado de alta intensidade se apresenta como uma melhor opção para quem já não é mais sedentário e quer melhorar ainda mais o condicionamento físico .

“A partir do momento em que o indivíduo aprimora seus níveis, ele conseguirá treinar com maior volume e intensidade. Não podemos correr o risco de pensar que o HIIT é a solução para todos. É fundamental ter acompanhamento e orientação profissional. E o mais importante: essa modalidade é apenas mais uma ferramenta que pode ser utilizada e não simplesmente um método de treinamento que possa ser visto como uma solução para todos.”

Cuidados que devem ser tomados com o treino HIIT

Em um treino HIIT, a pessoa deve ter em mente que por mais que o professor a incentive é preciso respeitar limites
Shutterstock
Em um treino HIIT, a pessoa deve ter em mente que por mais que o professor a incentive é preciso respeitar limites

Em um treino HIIT, a ideia é que a pessoa vá até seu limite, então por isso os professores precisam incentivar muito. Caso contrário, corre o risco do aluno desistir de algum exercício quando ainda dava para continuar.

Porém, nessa hora é preciso que a pessoa tenha uma boa consciência corporal, já que de forma alguma ela deve se deixar levar pelo ritmo do professor, já que ele muito provavelmente terá um melhor condicionamento físico.

“O mais importante é que cada um respeite seus limites e que a prescrição seja feita levando em consideração a individualidade biológica. Lembrando que é muito importante que a pessoa tenha o mínimo de preparação até ter condições de treinar com intensidades altas.”

E independentemente da intensidade do exercício, também é extremamente importante dominar as técnicas de cada exercício a ser realizado. Netto explica que, quanto menos técnica a pessoa tiver sobre determina atividade, maior será seu desgaste.

Sendo assim, antes de um aluno começar um movimento novo é preciso ter certeza de que aprendeu a fazer corretamente para não se lesionar. Se precisar começar depois das outras pessoas para realizar da forma correta, isso não deve ser visto como um problema.

Outro erro que costuma ser cometido nesse tipo de treino é a falta de cuidado com o aquecimento e com a volta à calma, que não podem ser negligenciados só porque o treino é HIIT.  “Também implica ser de alta intensidade, o que determina que seja de curta duração, portanto não caia na armadilha de realizar um treino que seja longo. A intensidade é inversamente proporcional à duração."

Mas os principais erros são não ter  condicionamento mínimo antes de realizar o HIIT e pensar em adotar apenas essa metodologia. Não dá para trocar a musculação, por exemplo, por um treinamento de alta intensidade. Se você não gosta de levantar peso, é preciso buscar outra atividade de fortalecimento muscular , como o pilates.

E além de tudo isso, não dá para se esquecer da hidratação só porque o treino é curto. Como explica a nutricionista esportiva Isabelle Zanoni, uma atividade muito intensa, mesmo que de curta duração, aumenta a taxa de sudorese. “Portanto é importante, sim, hidratar antes, durante e depois. Se mesmo no treino curto a perda de peso for maior que 2%, o interessante é usar um repositor hidroeletrolítico.”

Quais os benefícios do treino de alta intensidade?

Como explica especialista, um dos benefícios do treino HIIT é que a pessoa continua a queimar calorias mesmo após aula
Shutterstock
Como explica especialista, um dos benefícios do treino HIIT é que a pessoa continua a queimar calorias mesmo após aula

Mas não precisa “se assustar” ou desistir de tentar o treino HIIT só por conta dos cuidados que devem ser tomados. Até porque qualquer atividade física exige alguma atenção especial, inclusive uma simples caminhada , por exemplo. O ponto é que seguindo todas as recomendações, e desde que com um período de adaptação, é possível aproveitar por completo os benefícios de um treino de alta intensidade.

Segundo o consultor técnico da Smart Fit, Luiz Carlos Carnevali Junior, o treino HIIT eleva o metabolismo e favorece o emagrecimento porque faz com que o corpo continue reduzindo calorias por algumas horas depois dos exercícios.

Leia também: Conheça o GRIT, treino intervalado de alta intensidade que te leva ao limite

“O indivíduo passa a gastar mais calorias à base da própria gordura não apenas no
período do treino, mas durante as 24 horas do dia, simplesmente para manter o seu corpo em
funcionamento. Esse é um método de atividade que consiste em intervalos
ativos ou passivos. O que faz a pessoa emagrecer é a resposta do seu organismo ao estímulo
do treino”, explica Carnevali. Entenda melhor os benefícios do treino HIIT:

  • Aumenta o metabolismo basal: o s treinos  de alta intensidade são capazes de aumentar o consumo de oxigênio e o volume de massa  muscular , desta forma aumentam a quantidade de energia gasta pelo corpo para manter suas  funções básicas durante todo o dia, que é o metabolismo basal;
  • Maior gasto calórico e redução de gordura corporal: durante uma atividade de alta intensidade como o HIIT, o praticante aumenta a necessidade de oxigênio e isso cria um débito que será reposto durante o período de intervalo. Ou seja, mesmo nos momentos de recuperação o corpo continua reduzindo uma maior quantidade de calorias e gorduras corporais;
  • Melhora da capacidade neuromuscular e cardiorrespiratória: o treino HIT (que é o treinamento de alta intensidade apenas, não intervalado), praticado na esteira da academia, aumenta a capacidade cardiorrespiratória. Já o treino HIIT (esse sim intervalado) é uma proposta de treinamento que aumenta a resistência muscular.
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.