Tamanho do texto

Lembrar que a dieta detox vai muito além do suco verde é um ótimo começo!

O que fazer depois de exagerar em um final de semana de comilança ou após uma folga regada a frituras, petiscos e guloseimas? Uma resposta que faz sucesso há um certo tempo é apostar em uma dieta detox. Essa alimentação promete eliminar toxinas e, com isso, mandar gordurinhas e quilinhos embora. Entretanto, se não for seguida da maneira correta, pode fazer mal à saúde e até fazer você engordar. 

Leia também: O que não pode faltar na dieta detox?

A dieta detox ajuda a eliminar toxinas e pode fazer muito bem ao organismo, basta cautela ao segui-la
Pixabay/Creative Commons
A dieta detox ajuda a eliminar toxinas e pode fazer muito bem ao organismo, basta cautela ao segui-la


A dieta detox inclui alimentos bastante saudáveis e naturais, mas há o risco, por exemplo, de se acabar com um cardápio muito restritivo por um período inadequado e, no final, o corpo sentir falta de alguns nutrientes. Essa alimentação também pode desencadilhar gatilhos para alguns problemas no organismo. 

Mas calma, dá para obter os melhores resultados com essa dieta. Conversamos com especialistas em nutrição e listamos os erros mais comuns e o que você pode fazer para evitá-los e até corrigi-los. Assim, o detox será muito bem-vindo! 

1. Detox é muito mais que suco verde

Suco verde é quase um sinômino para detox, mas de acordo com a nutricionista do Hospital e Maternidade São Cristóvão, Cintya Bassi, essa dieta vai vem além disso. Segundo a especialista, ela inclui alimentos de fácil digestão e com propriedades que agem especialmente no fígado e intestino, órgãos responsáveis pela metabolização de até 80% dos nutrientes, auxiliando, assim, o organismo na eliminação das toxinas geradas pelos excessos alimentares. 

É como complementa a nutricionista Danielle Cardoso, do Hapvida Saúde. "Não adianta procurar uma receita de suco verde só porque está na moda e esperar um milagre. A dieta é uma soma de fatores, como estilo de vida mais saudável, cardápio equilibrado, respeito aos horários das refeições e até qualidade do sono."

Suco verde está na dieta detox, mas esse tipo de alimentação vai além disso
Pixabay
Suco verde está na dieta detox, mas esse tipo de alimentação vai além disso


Além do suco, é possível pensar em um cardápio detox como um todo, nas mais variadas refeições. Para isso, vale incluir da dieta alimentos ricos em fibras, como biscoitos, arroz e pães integrais, e grãos e cereais em geral, como aveia e linhaça. Tudo isso também contribiu para o bom funcionamento do corpo e para a eliminação das toxinas. "O suco entra como um complemento da dieta e de uma reeducação alimentar", diz Danielle. 

Essa dieta ainda contém frutas, verduras e legumes, preferencialmente orgânicos. Com isso, é possível montar uma alimentação com todos os nutrientes necessários para a boa saúde e cheia de prebióticos. Cintya monta uma lista com alimentos detox

  • melancia - tem efeito diurético
  • abacaxi - auxilia na eliminação de impurezas
  • gengibre - melhora a digestão, fortalece o sistema imunológico e combate a constipação intestinal
  • berinjela - tem ação digestiva e laxante
  • couve - estimula a produção de enzimas que ajudam na eliminação de toxinas e é fonte de vitamina B, facilitando o metabolismo dos macronutrientes.
  • frutas cítricas, como limão, laranja, kiwi e acerola - possuem substâncias antioxidantes e fortalecem a imunidade.
  • água - é preciso reforçar a hidratação do corpo para que organismo elimine toxinas. 

Ainda dá para incluir itens como peixes e diversos chás digestivos e diuréticos e termogênicos, como chá de boldo ou o chá verde. 

2. Suco verde tem couve, mas não é só isso

Sim, no meio do cardápio da dieta detox ainda está o suco verde. De acordo com Danielle, o ingrediente clássico para esse suco desintoxicante é a couve, que possui função hepato protetora e, por isso, contribui para a ação do fígado, órgão responsável por eliminar as toxinas, entre outras funções. Também é apontada como ideal para muitos especialistas porque quase não deixa sabor residual na bebida. 

Mas um erro é ficar só na couve e esquecer do resto dos alimentos. Além de prejudicar a saúde, essa atitude pode fazer você desistir da dieta no meio do caminho. "Você pode fazer o mesmo suco detox  por sete dias, mas imagina seguir isso por muito mais tempo? É importante variar os vgetais e ingredientes para que a dieta não se torne algo monótomo demais", comenta a nutricionista da Hapvida. Sem contar que ao usar só os mesmos ingredientes, vai provocar uma concentração de alguns nutrientes no corpo e deixar outros de lado. "É importante um balanceamento", completa Danielle. 

Ela sugere, por exemplo, adicionar outros vegetais à bebida, como cenoura. Para uma ação termogênica, uma opção é o gengibre, que ajuda a acelerar o metabolismo e aumentar a queima de calorias. Também dá para variar as frutas. A preferência são de baixa calorias, como limão, morango, abacaxi ou maracujá. Pode incluir também folhas de hortelã, conhecidas por auxiliarem no processo digestivo. 

Leia também: Veja receitas de sucos para emagrecer para fazer um detox no organismo

Suco antioxidante é receita da chef Priscilla Herrera
Divulgação
Suco antioxidante é receita da chef Priscilla Herrera

Além disso, nem só o verde tem seu valor. A chef de cozinha Priscilla Herrera, formada em gastronomia e especializada em culinária natural, dá receita de um suco antioxidante com frutas vermelhas. 

  • 1 xícara de chá de blueberries congeladas
  • 1 xícara de chá de framboesas congeladas
  • 1 xícara de chá de morangos frescos
  • 4 xícaras de chá de água mineral
  • Raspas de 1 laranja
  • 2 colheres de sopa de mel

Basta bater todos os ingredientes no liquificador e ingerir logo depois do preparo. 

E vale lembrar que para esses sucos, os alimentos geralmente são usados in natura - por exemplo, basta higienizar corretamente a couve, mas nada refogar antes ou coisa assim. Nutricionistas também indicam não coar, para não perder fibras e nutrientes. 

3. Cardápio pode ser restritivo para resultado rápido, mas não deve durar muito

Há também quem defenda que para fazer um detox de fato e obter resultados mais rápidos, é preciso restringir bem mais as opções disponíveis no cardápio. Com isso, é até possível emagrecer rápido, mas os cuidados devem ser redobrados. Um cardápio muito enxuto é capaz de te ajudar a secar até três quilos em três dias, mas nunca deve ultrapassar esse tempo. Também é fundamental acompanhamento médico para evitar problemas. 

Nesse caso, quase não há carboidratos e toda a alimentação é baseada em itens naturais e preparados em casa, sem nada de industrializados, processado ou embutido. Veja os detalhes de um cardápio para um detox de 72 horas  e mais dicas de como segui-lo sem colocar a saúde em risco. 

Saladas coloridas fazem parte de um cardápio detox
shutterstock
Saladas coloridas fazem parte de um cardápio detox


E no final, todo detox, seja ele mais curto e restritivo, ou o mais abrangente, como citado no primeiro item, acabam ajudando a emagrecer. Como ressalta Danielle, a alimentação detox não é muito calórica, tem como base ingredientes naturais e acaba ajudando na eliminação de toxinas e também a desinchar graças a seu efeito diurético - já que nos períodos de comilança e exagero é muito comum abusar daquilo que é rico em sódio e acabar com retenção de líquido. Portanto, não é preciso nenhuma grande loucura, basta adequar a alimentação a hábitos mais saudáveis. E se ainda assim quiser algo radical, que seja por pouco tempo - depois de ficar com tanta restrição, há um grande risco de sair comendo o que encontrar pela frente e engordar até mais do que antes do detox. 

4. Falta de conhecimento pode liberar gatilhos e fazer muito mal

Essa ressalva acabou no último item da lista, mas ela vale desde o primeiro momento que qualquer pensa em começar uma dieta. É importante consultar um especialista - médico ou nutricionista. A dieta detox é muito popular, mas pode fazer mal para algumas pessoas. Quem tem, por exemplo, excesso de ferro no organismo, segundo a nutricionista da Hapvida, e tomar suco verde todos os dias pode apresentar uma piora nos processos inflamatórios. Aí, o que seria uma forma de emagrecer se torna um grande problema de saúde. Procure um profissional, ele será capaz de avaliar estado de saúde com exames e montar o cardápio mais indicado para seu perfil. 


    Leia tudo sobre: dieta
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.