Tamanho do texto

Ela tem 60 anos, mas um corpo que dá inveja a muita mulher de 20 ou 30 e conta todos os detalhes da rotina de treino e alimentação ao Delas

Barriga trincada, braços durinhos e bumbum definido. Com um corpo com essas características e 60 anos, Adriana Miranda tem quase 100 mil seguidores no Instagram. Conquistar e manter essa forma exige sacrifícios e uma dieta regrada. E Adriana conta todos os detalhes e dá dicas ao Delas. 

Leia mais: Diga qual seu tipo de barriga que te direi como acabar com as gordurinhas!

Adriana Miranda tem corpo de dar inveja a muita menininha aos 60 anos
Reprodução/Instagram
Adriana Miranda tem corpo de dar inveja a muita menininha aos 60 anos


"Em casa não compramos doce e não fazemos fritura em hipótese alguma. Fica muito mais difícil resistir quando temos doces e besteiras em casa, então simplesmente vetamos isso por aqui", comenta a aposentada de 60 anos . Veja outras dicas e conheça a rotina desta mulher. 

"Sequei com alimentação"

Adriana diz que sempre foi magra, mas que conquistou o corpo bem mais definido recentemente, depois da aposentadoria. Ela foi procuradora do Estado e está há seis anos aposentada. "Sempre fui vaidosa e gostei de me cuidar. Também sempre malhei, às vezes pegava mais pesado e outras, mais leve. Mas depois de me aposentar, tenho focado mais na parte da alimentação e visto mais resultados", fala. 

Adriana mostra a rotina nas redes sociais
Reprodução/Instagram
Adriana mostra a rotina nas redes sociais

"Sequei com a alimentação regrada . Antes, fazia muito exercício e achava que poderia comer mais por causa disso. Também chutava o balde aos finais de semana. Nunca fui gorda, mas não tinha a definição de hoje. Exercício é necessário e ajuda, mas alimentação é fundamental". 

Ela conta que apesar de gostar muito de doces, decidiu cortar as guloseimas do cardápio - e de toda a casa também - e aos poucos de acostumou com essa "falta". Também come religiosamente nos horários estipulados por sua nutricionista ou nutróloga e pesa todos os alimentos antes de colocar no prato, para evitar excessos. 

Para completar, a rotina inclui, sim, atividade física, com musculação cinco vezes por semana e uma parte de treino aeróbico em dias alternados. 

Cardápio do dia

Adriana segue o seguinte cardápio para manter o corpo em forma: 

Café da manhã : uma fonte de proteína, que pode ser dois ovos quentes, e batata doce ou tapioca com queijo sem lactose - Adriana tem intolerância a essa substância. "No começo achei estranho batata doce logo de manhã, mas adoro e consegui me acostumar", conta. 

Para completar, uma porção de frutas - pode ser duas ameixas - e leite de amêndoas. Ela ainda varia o carboidrato com outras fontes de energia, como pães de farinha integral. 

Lanche pós-treino: Adriana costuma treinar pela manhã e, quando termina, ingere suplemento tipo whey e um pouco de batata doce. 

Almoço: a refeição é feita duas horas depois da malhação. A aposentada come um prato grande de salada, uma proteína - 90% da semana é peixe - algum legume e uma fonte boa de carboidrato, como mandioca, batata doce ou arroz integral. Nada de sobremesa. 

Lanche da tarde: é a hora de frutas com iogurte e também uma oleoginosa, como castanhas. 

Jantar: pode ser um omelete ou uma versão mais leve do almoço, com uma proteína grelhada e uma salada. 

Na sexta à noite, Adriana diz gostar de beber um vinho ou um espumante com o marido, mas sem excessos. Também mantém o hábito de sair para comer aos finais de semana e, de novo, não exagera. 

Leia mais: Junto, casal emagrece 125 kg em um ano

Suplementos e menopausa

Adriana exibe boa forma
Reprodução/Instagram
Adriana exibe boa forma

Para manter o corpo definido e com músculos aos 60 anos, Adriana ainda teve de encarar a menopausa. "Sempre tive muita dificuldade em falar a minha idade e foi complicado aceitar que estava na menopausa. Achava que seria um bicho de sete cabeças". 

Com acompanhamento médico, ela optou por fazer reposiçao hormonal e, com isso, diz ter conseguido mais disposição e qualidade de vida. 

60 com muito orgulho

Aos poucos, Adriana diz que passou a aceitar a idade e até encarar isso como um diferencial. "Sempre me cuidei e minha filha e me enteada ficavam falando para eu postar fotos e dicas no Instagram. Antes, isso ficava apenas no meu grupo de amigas. Mas há um ano comecei o blog e a postar mais nas redes sociais", explica Adriana. 

Leia mais: Grãos e ervas para aliviar sinais da menopausa


"Achava que as seguidores seriam mulheres da minha idade, mas tem muita gente mais nova. Vi que ter 60 anos e estar bem era o diferencial. Muitas mulheres de 30 ou 25 anos querem saber como cheguei até aqui assim e querem começar a se cuidar agora, não ficar esperando a idade chegar. Já as mulheres mais maduras buscam incentivo para continuar. E isso tudo me faz muito bem", diz a aposentada. 

    Leia tudo sobre: dieta
    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.