Capricornianos valorizam hierarquia e se sentem pouco confortáveis como crianças. Mães devem tratá-los com racionalidade

Conheça melhor a criança de Capricórnio
Thinkstock/Getty Images
Conheça melhor a criança de Capricórnio
Nascidos entre 22/12 e 20/01

Nativos de Capricórnio enxergam a vida através de uma hierarquia, como o melhor, mais forte, mais adequado ou quem manda mais. Como nascem em uma época muito quente ou muito fria – verão no hemisfério sul e inverno no hemisfério norte – não acham o mundo um lugar acolhedor. Ao contrário, o consideram intimidador e desafiante. O capricorniano só aceita o que é muito bom. Precisa da excelência para ser feliz. Também tem muita necessidade de ser levado a sério, de ser respeitado.

A criança de Capricórnio é: reservada e séria. Parece desconfortável no papel de criança. É porque realmente está. O capricorniano tem necessidade de ser levado a sério, o que se torna fonte de sofrimento ainda quando pequeno. São mais adequados para o mundo adulto. As crianças de Capricórnio precisam ser respeitadas.

Como lidar com a criança de Capricórnio: valorize sua habilidade em lidar com temas práticos e concretos. Essas crianças são extremamente racionais, portanto procure explicar tudo que vai fazer e, se possível, peça permissão para fazer algo que envolva a criança de Capricórnio. Por não ver o mundo como um lugar acolhedor, pode apresentar dificuldade de se expor. Respeite essa característica e evite colocá-lo em evidência sem seu consentimento.

Saúde: o signo de Capricórnio inspira cuidados com pele, dentes e ossos.

Cor: chumbo, preto e tons terra, como bege e marrom.

>>> Volte para a matéria principal

Veja outros signos

ÁRIES | TOURO | GÊMEOS | CÂNCER | LEÃO | VIRGEM | LIBRA

ESCORPIÃO | SAGITÁRIO | CAPRICÓRNIO | AQUÁRIO | PEIXES

Consultoria da astróloga do Delas, Monica Horta , e da terapeuta e astróloga especializada em mapa astral infantil, Silvia Bacci

    Faça seus comentários sobre esta matéria mais abaixo.