Alto Astral

undefined
Reprodução: Alto Astral
DIU piora a pele? Saiba mais sobre o dilema vivido por Marília Mendonça

A cantora Marília Mendonça desabafou no Twitter ao perceber um aumento nas espinhas após adotar o DIU (dispositivo intrauterino) como método contraceptivo. “Tal da ‘muié’ sofre mesmo, né? Tô usando vários produtos pra conter o estrago que o uso do Mirena tá me causando com relação às espinhas. Pior que nem tenho como trocar… meu fluxo é altíssimo!”, afirmou.

Mas será que DIU realmente piora a pele? Confira a resposta para essa e outras dúvidas sobre o assunto!

Veja agora as principais dúvidas sobre o uso do DIU e a relação com a piora da pele

O que é o DIU?

O dispositivo intrauterino é um pequeno objeto em formato de “T”, que pode ser feito de plástico (Mirena/hormonal) ou de cobre, colocado dentro do útero das mulheres que optarem por esse método contraceptivo. Sua função é evitar que o óvulo se instale no órgão e, assim, impedir a fecundação do espermatozoide. Vale lembrar que seus efeitos estão relacionados apenas à proteção contra gravidez , mas não às ISTs (infecções sexualmente transmissíveis).

Nos consultórios médicos, o método costuma ser indicado para mulheres que não pretendem engravidar nos próximos 5 anos ou 10 anos, período no qual o dispositivo pode ser mantido no corpo sem manutenção. Além disso, o DIU pode ser considerado uma boa opção por quem esquece de tomar a pílula anticoncepcional com frequência, já que o seu uso diário não depende do fator humano.

DIU piora a pele? Saiba mais sobre o dilema vivido por Marília Mendonça
Foto: Shutterstock

DIU x acne

O dilema enfrentado por Marília Mendonça quanto à piora da pele após a instalação do DIU não é um caso comum entre todas as mulheres, porém pode acontecer especialmente com quem utilizava a pílula anticoncepcional antes de adotar o novo método. Isso porque ocorre uma redução na quantidade de hormônios ingerida, o que pode levar à piora da oleosidade da pele e aumento das espinhas.

Não à toa que muitas mulheres optam pela pílula devido aos seus benefícios não contraceptivos, que incluem a redução dos hormônios masculinos no corpo e, consequentemente, a melhora da acne . Sendo assim, o ideal é sempre consultar com o seu dermatologista qual é o método mais indicado para as suas necessidades.

DIU x fluxo menstrual

Outra questão mencionada pela cantora, além da piora da pele, é a necessidade de manter o DIU devido ao seu intenso fluxo menstrual . De maneira geral, o DIU Mirena tem ação local e é capaz de reduzir o sangramento excessivo, causando um grande alívio à algumas mulheres.

Por outro lado, o DIU de cobre é conhecido por intensificar o fluxo de sangue em alguns casos. Mais uma vez vale reforçar a importância de consultar um especialista no assunto, que irá considerar as características da sua menstruação nessa hora.

Texto: Milena Garcia e Camila Ramos

    Veja Também

    Mais Recentes

      Mostrar mais

      Comentários