Tamanho do texto

Segundo especialista em festas, é essencial que o serviço de buffet e as comidas que serão servidas durante a festa combinem com o estilo do evento

Muitas decisões precisam ser tomadas antes de uma festa de casamento  : qual será o local, que tipo de música vai tocar, como vai ser a decoração e, claro, qual tipo de comida será servida durante o evento. No caso dessa última "missão", os casais podem contar com uma ajuda extra do buffet de casamento, mas como saber qual é a empresa certa a ser contratada? 

Leia também: Inspire-se nos lugares escolhidos por famosos para a cerimônia de casamento

Na hora de escolher o buffet de casamento, é ideal harmonizar as comidas que serão servidas com o estilo da festa
shutterstock
Na hora de escolher o buffet de casamento, é ideal harmonizar as comidas que serão servidas com o estilo da festa



De acordo com Suzana Freira, organizadora e especialista em festas de luxo, a comida é uma das partes mais importantes de um evento como esse, pois são os sabores que instigam, despertam e confortam as pessoas. "A escolha do buffet de casamento deve ser feito com muito cuidado para que os convidados, em especial, não sintam a falta dos serviços em nenhum momento da festa."

Porém, além de ser essencial que haja sempre reposição dos pratos, também é preciso que haja harmonia entre o que está sendo servido e o restante da festa. "Os buffets têm uma função que vai muito além de alimentar seus convidados, eles ditam o ritmo e transformam o evento no estilo que o cliente quer." Pensando nisso, Suzana dá sete dicas para naõ errar nessa escolha:

1. A decoração deve estar em sincronia com a festa

A primeira coisa a se pensar é que a festa de casamento é um projeto e, assim como qualquer outro tipo de evento, é preciso haver uma conversa entre o que está acontecendo e a decoração em si. Uma ideia para não ter de fazer uma decoração muito diferente é apostar em uma iluminação diferenciada, por exemplo. Assim, na hora que a comida for servida, o ambiente pode estar iluminado e, depois, as luzes podem se apagar, resultando em um "ambiente de balada" ideal para a festa. 

2. O estilo de festa determina o tipo de buffet

Da mesma forma, que a primeira dica, o tipo de comida também precisa combinar com a festa. Assim, se o estilo que combinar mais com o casal for de uma festa que segue uma linha "moderna", o serviço de buffet precisa ser mais ágil. "Nesse caso, o buffet deve dar preferência ao serviço volante, com ilhas gastronômicas, serviço americano e comidinhas da madrugada", explica Suzana. 

A ideia é não ter uma hora específica para o jantar, o que dispensa lugares às mesas para todos os convidados e o DJ pode deixar músicas animadas tocando na pista de dança desde o início da festa. Com as ilhas espalhadas pelo local, os convidados poderão comer e voltar rapidamente para curtir a festa. 

Entretanto, não tem problema algum em escolher um buffet de casamento que siga um estilo tradicional, com foco no jantar — desde que a festa também siga essa linha. Esse momento pede uma música mais calma, iluminação mais clara e todos os convidados sentados ao mesmo tempo.

"Esse formato exige mais pontos de buffet para que se reduza as chances de filas já que todos devem comer ao mesmo tempo", afirma a especialista. Logo depois do jantar, é importante considerar uma atração especial, como uma banda ou um DJ animado, para fazer com que todos sigam para a pista. 

Leia também: Pé quebrado, falta de luz, aliança perdida: superando imprevistos em casamento

3. Comida é o principal ponto de escolha

Antes de escolher o buffet, a melhor coisa a se fazer é provar todo o menu que será servido durante a festa. Isso possibilita que os noivos sintam a experiência que os convidados vão vivenciar, desde as bebidas que serão servidas na entrada, passando pelo jantar e pela sobremesa, até o café que, geralmente, é servido ao fim da festa. 

"É preciso ir preparado para comer em duas horas o que seu convidado vai comer durante todo o evento", recomenda Suzana. Segundo ela, uma ideia para tornar essa fase da organização do casamento mais divertida é convidar os familiares dos noivos para participar das degustações, jpa que, dessa forma, também é possível ter pessoas com diferentes gostos experimentando os pratos.

4. A escolha do menu deve ser pensada

O casamento é um evento bastante elegante e isso deve ser levado em consideração na hora de pensar no menu. De acordo com Suzana, se o casal não é vegetariano ou vegano, a melhor dica é optar por proteínas, carnes ou peixes sofisticados, pois esses itens valorizam o cardápio e agradam a maior parte das pessoas.

Porém, também é importante lembrar que os convidados têm gostos variados e é legal incluir opções veganas também. "Fique à vontade para ousar no momento do coquetel e garanta opções mais tradicionais no jantar", sugere. 

5. Pratos também fazem a diferença

Os buffets de casamento geralmente trabalham voltados apenas para esse segmento e oferecem tipos de louças diferentes aos noivos — algo que pode dar um toque especial na festa. O grande objetivo, neste caso, é encantar os convidados com a apresentação dos pratos. "É um charme comer em mini porcelanas, saladas em taças, porções individuais de sobremesas, fica tudo ainda mais gostoso", diz Suzana.

Outro atrativo pode ser uma cozinha criativa usando "gastronomia molecular", que dá um uso diferenciado para alguns utensílios de cozinha e cria variações divertida para pratos comuns.

6. A festa de casamento é um "todo"

A festa de casamento é uma junção de pequenos momentos imporantes e cada um deles deve ter uma proposta diferente de menu, tanto de cardápio quanto de serviço. De acordo com a profissional, as "finger foods" (ou canapés) que são oferecidos na pista ou antes do jantar conduzem o convidado a continuar dançando, enquanto a refeição principal o direciona para um momento mais calmo sentado à mesa.

Leia também: 13 dicas que toda mulher deve saber antes de procurar o vestido de noiva ideal
"O cuidado na hora de escolher o buffet de casamento e cada detalhe da festa resulta na satisfação dos noivos e convidados. Alimente o sonho e saboreie o prazer de proporcionar um casamento incrível em todos os detalhes“, aconselha Suzana Freire.