Bárbara Ferreira da Silva, 32 anos, não esconde o orgulho ao falar sobre o filho Bernardo, 3 anos e 9 meses. “Ele me ensinou a ser forte. É o meu combustível, meu coração que bate fora do meu peito”, diz. Com microcefalia, o menino está na estatística das mais de três mil crianças brasileiras diagnosticadas com a síndrome congênita do vírus da zika .

Bernardo ao lado de sua família
Andréa Leal
Bernardo ao lado de sua família

“São muitas dificuldades. Ter um filho especial não é uma missão fácil, mas não abandonaria por nada nesse mundo. Ele me fez conhecer o melhor de mim e me mostrou como posso ser forte”, fala a mãe.

Quando o surto surgiu no país, em 2015, os olhares foram voltados a essas crianças. Hoje, o assunto cai cada vez mais no esquecimento. Para chamar a atenção sobre os casos e lembrar que as crianças precisam de assistência, as fotógrafas Andréa Leal e Simone Silvério se uniram para a exposição fotográfica “Toda Criança é Especial”, promovida pelo Instituto Luz Natural, que chega a São Paulo na próxima semana após passar por Pernambuco.

Para Bárbara, ver Bernardo retratado nas fotos é uma forma de não deixar sua história ser esquecida, além de reforçar o amor da família. “Esse convite foi uma oportunidade para mostrar às pessoas uma linda história de luta e superação. São histórias que merecem e precisam ser vistas e contadas”, diz.

Leia também: Fotógrafas fazem ensaios sensíveis de famílias com crianças no espectro autista

Além do garoto, mais dez crianças com microcefalia causada pelo vírus da zika foram clicadas pelas fotógrafas.  Veja:

Você viu?

O projeto começou em 2018, quando Simone fotografou os pequenos e, após isso, as fotos tiveram a intervenção do artista plástico Alyson Carvalho. Em 2019, um ano e meio depois da primeira sessão, as crianças foram novamente clicadas  junto a suas famílias por Andréa Leal.

As duas fotógrafas reforçam a função social da fotografia. Para elas, além do viés artístico, as imagens das crianças tem o papel de reforçar que suas necessidades de inclusão, reabilitação e cidadania precisam ser atendidas.

 “Conviver por algum tempo, deixar-se fotografar e ter imagens legais já trouxe alguns momentos alegres para essas pessoas e sem dúvida para mim que tive o privilégio da companhia delas. Espero que isso contribua de alguma forma para trazer mais coisas positivas tanto a essas pessoas quanto às que se emocionarem com elas”, fala Simone Silvério.

A mãe de Bernardo concorda. Para ela, a exposição pode ajudar a inspirar outros pais de crianças com microcefalia. “Através das nossas histórias, pode surgir para outras famílias força e motivação para continuar na missão. As dificuldades são muitas, mas através da fotográfica vemos que a fé e o amor vão além”.

Leia também: Ensaio fotográfico transforma crianças com câncer em heróis

Serviço

Exposição Toda a Criança é Especial -  retrata crianças afetadas pelo vírus da Zika

Fotógrafas : Simone Silvério e Andréa Leal
Abertura : 27  de novembro, às 18h, quarta-feira
Exposição : 27 de novembro a 20 de dezembro
Horário : Das 9h às 18h, de segunda a sexta 
Local :  Galeria Studio Trend - Rua Costa Carvalho, 213 - Alto de Pinheiros - SP

    Veja Também

    Mais Recentes

      Comentários